A Vinícola Montes (Viña Montes) foi eleita a 5ª melhor vinícola do mundo em 2021 pela World´s Best Vineyards Awards. Ela também aparece como a melhor vinícola do Chile e é uma pioneira na produção de vinhos tintos de alta qualidade no país.

Viña Montes: 5a melhor vinícola do mundo
Lista da World´s Best Vineyards Awards

Além de produzir vinhos premium e ultra premium, como Montes Alpha M., Montes Folly, Purple Angel e Montes Alpha, que atraem a atenção do mundo todo, a visita à Viña Montes é uma experiência única e inesquecível, com direito a adega subterrânea ao som de cantos gregorianos, feng shui e um restaurante comandado um por um famoso chef argentino.

Neste post você vai saber tudo sobre a visita à Viña Montes. Onde fica, como chegar e o que fazer na melhor vinícola do Chile. Tudo pronto para começar?


Leia também: Regras e requisitos para uma viagem para o Chile em 2022



Viña Montes

A Viña Montes nasceu do sonho de Aurelio Montes e Douglas Murray de produzir vinhos chilenos com altíssima qualidade em pleno vale de Apalta, parte mais fria do Valle de Colchagua, a cerca de 2 horas da capital Santiago.

A Montes foi uma das pioneiras a explorar o ‘terroir’ dessa região que tem clima estável e equilibrado o ano todo, perfeito para o cultivo de uvas que, aqui, passam por um processo de maturação mais lento e completo.

Vinhedos e uvas na Vinícola Montes no Chile
Vinhedos na Viña Montes, no Chile

E a história não me deixa mentir: o vinho Montes Alpha Cabernet Sauvignon foi o primeiro vinho ‘Premium’ a ser exportado pelo Chile, em uma época que existiam apenas 14 vinícolas exportadoras no país. Hoje são mais de duzentas.

Os vinhos Alpha Chardonnay, Merlot e Syrah vieram em seguida e tornaram a Viña Montes a melhor vinícola do Chile.

É muito importante citar que a Vinícola Montes é o resultado bem-sucedido de esforços nacionais. Sem a participação de joint ventures ou consultorias estrangeiras, estratégia comum usada por outras vinícolas chilenas famosas.

Todos os vinhos produzidos na Viña Montes são 100% chilenos.

Vinhos 100% chilenos na Viña Montes
Vinícola Montes, no Valle de Colchagua (Chile)

O Valle de Colchagua

O Valle de Colchagua é um dos destinos chilenos mais famosos por seus vinhos. Localizado na zona central do Chile, a cerca de 180km de Santiago. Além da Viña Montes, pioneira nessa região, também abriga outras excelentes vinícolas, como: Vinícola Viu Manent, Clos Apalta, Lapostolle e Vinícola Santa Cruz.


Como é a visita à Viña Montes

A visita guiada à Vinícola Montes começa ao ar livre, em meio às parreiras, e apesar da Montes também possuir vinhedos nos vales Aconcágua, Curicó, Itata e Maule é aqui, no vale de Apalta, seu verdadeiro lar.

O projeto da vinícola foi criado de acordo com os princípios do Feng Shui, incorporando água, metal e madeira para garantir harmonia entre os elementos básicos (fogo, terra, ar e água). Tudo pensado para aumentar a qualidade dos vinhos.

Vinícola Montes, no Valle de Colchagua (Chile)
Vista da Viña Montes, no Vale de Apalta (Chile)

E o que não falta na Viña Montes é boa energia. Por todos os lados você verá figuras de anjos. Tanto na decoração quanto nos rótulos dos vinhos. Proteção para a vinícola e visitantes.

Os rótulos dos vinhos são obras do ilustrador britânico Ralph Steadman e os anjos da decoração são confeccionados pelas mulheres artesãs de Apalta.

Anjos na Viña Montes
Presença constante dos anjos na Vinícola Montes

A visita continua dentro da vinícola, onde podemos acompanhar a produção e engarrafamento dos vinhos Montes. Um processo baseado em uma cultura sustentável, que preza pelo respeito ao meio ambiente e às pessoas envolvidas em todas suas etapas.

Algumas das iniciativas sustentáveis na vinícola, são: uso de técnicas de manejo integrado em 100% de seus vinhedos, sistema de irrigação por gotejamento com alta eficiência no consumo de água, compostagem com o bagaço da uva (casca e semente) para a diminuição no uso de fertilizantes, e uso de cobertura vegetal natural para reduzir a erosão e compactamento do solo.

Sustentabilidade na vinícola Montes, no Chile
Vinhedo no Vale de Apalta, no Chile

Outro ponto interessante, é que a Viña Montes não usa bombas no processo de produção de seus vinhos. As uvas colhidas são esmagadas no telhado do edifício e o sumo move-se para baixo, até a sala de produção, de forma delicada e usando apenas a força da gravidade.

Dessa maneira o mosto é preservado integralmente, mantendo os sabores e taninos mais suaves desses vinhos intactos.

Produção de vinhos Montes no Chile
Sala de produção dos vinhos Montes

Pra completar, os vinhos Montes passam por um processo de maturação na adega subterrânea semicircular, localizada no coração vinícola, dentro de barricas de carvalho francesas.

A belíssima adega funciona como uma espécie de teatro para esses importantes atores, que permanecem repousando ao som de cantos gregorianos até atingir sua ‘maioridade’.

Adega subterrânea na Vinícola Montes, no Chile
Sala das Barricas, na Viña Montes

Ao final do tour, você pode visitar a loja da vinícola para comprar alguns dos rótulos produzidos aqui. Também estão disponíveis para compra, peças de artesanato local, incluindo os anjos, presentes na decoração da vinícola.

A Vinícola Montes oferece visitas guiadas em inglês e espanhol.


Protocolo Covid-19 na Viña Montes

Priorizando a segurança, a Viña Montes segue um protocolo contra a contaminação por Covid-19. Os visitantes devem seguir as seguintes regras:

  • Usar máscara durante toda a visita;
  • Passar por um controle de temperatura e preencher o formulário de saúde;
  • Usar álcool em gel sempre que possível;
  • Priorizar degustações ao ar livre;
  • Usar sua taça individual para a degustação.

Leia também: Regras e requisitos para entrada de brasileiros no Chile em 2022


O que fazer na Vinícola Montes: tours e experiências

A Viña Montes oferece uma série de tours, degutações e experiências.

» Tours na Vinícola Montes

As visitas guiadas são passeios cheios de informação. Além dos vinhedos, você também terá acesso à área de fabricação dos vinhos Montes,à Sala das Barricas (adega subterrânea onde os vinhos descansam ao som de cantos gregorianos) e à loja da vinícola.

A degustação é a maior diferença entre os tours. Ela pode incluir 4 ou 5 vinhos de diferentes categorias. Os preços variam de CLP $18.000 (Programa Angeles) a CLP $60.000 (tour privado e personalizado).

» Experiências na Vinícola Montes

As experiências na Vinícola Montes incluem excelentes refeições preparadas no Fuegos de Apalta, restaurante do chef argentino Francis Malmann.

Seja um piquenique ao ar livre, um almoço leve (com pizza assada no forno de barro ou sanduíche na grelha) ou uma harmonização guiada em três tempos, você logo entenderá porque a Viña Montes é tão premiada.

» Trekking na Viña Montes

Também é possivel fazer uma trilha de 6km pelos vinhedos da Montes, nas colinas do Cerro Divisadero e experimentar os deliciosos vinhos Montes. A caminhada começa às 9h30 e tem 4 horas de duração.

Parreiras na vinícola Montes, no Chile
Os vinhedos no vale de Apalta

Seguro viagem para o Chile é obrigatório

De acordo com as novas regras do Ministério da Saúde do Chile, durante o período da pandemia de Covid-19, qualquer estrangeiro em viagem para o Chile, deverá possuir seguro viagem com assistência para Covid-19 e cobertura mínima de 30.000 dólares.

Não tem conversa! É item obrigatório na lista de requisitos para entrada no Chile em 2022.

A dica é usar um comparador online para contratar o melhor seguro pelo menor preço, de maneira fácil, rápida e online. Eu uso e recomendo o site da Seguros Promo, que tem o melhor preço e atendimento do mercado.

QUERO FAZER UMA COTAÇÃO


Leia também: Qual é o melhor seguro viagem para o Chile


Restaurante Fuegos de Apalta

Para completar a experiência de visitar a vinícola Montes, não deixe de experimentar as delícias do icônico Fuegos de Apalta, restaurante do chef argentino Francis Mallmann, o responsável por trazer a ex-Masterchef Paola Carosella para comandar a cozinha do restaurante Figueira Rubayat em SP.

O menu é incrível, o serviço impecável e a localização privilegiada, literalmente dentro das parreiras da vinícola, com vista arrebatadora para os montes. Vale a pena visitar e experimentar.

Fuegos de Apalta na Viña Montes
Restaurante Fuegos de Apalta na Viña Montes

Para quem não conhece o chef Francis Mallmann, vale a pena assistir o episódio dedicado a ele da série Chef’s Table, na Netflix. É o terceiro episódio da primeira temporada e é um dos melhores!


Vinícola Montes | No Mapa

Confira a localização da Viña Montes no mapa interativo abaixo.


Leia também: Como usar um mapa do Google para organizar sua viagem


Como chegar à Vinícola Montes

O endereço da Vinícola Montes é Parcela 15 – Millahue de Apalta, no Valle de Colchagua, a cerca de 180km de Santiago.

Você pode alugar um carro em Santiago e dirigir até lá. Dessa maneira é super fácil fazer um bate-e-volta da capital chilena. Lembrando que o ideal é sempre ter um motorista da rodada, já que vinho e direção não combinam, né?!

Se você quiser visitar as outras excelentes vinícolas da região, recomendo passar pelo menos uma noite em Santa Cruz. Vale a pena!


Tour pelo Valle de Colchagua

Como alternativa, você pode contratar um tour pelo Valle de Colchagua a partir de Santiago, que inclui visita à Viña Montes e a Viña Lapostolle.

O tour também passa pelo Museu Colchagua, um dos museus mais interessantes da zona central do Chile.

QUERO RESERVAR


Qual a melhor época para visitar as vinícolas?

No mês de janeiro,  as parreiras estavam bem verdinhas e jovens. Em março e abril acontecem as tradicionais festas da vindima, eventos que comemoram a colheita da uva.

Parreiras verdes no mês de janeiro no Valle de Colchagua
Uvas verdinhas no mês de janeiro no Valle de Colchagua

Leia mais dicas de viagem para o Chile


Salve essas dicas sobre a melhor vinícola do Chile

Saiba como é a visita à Vinícola Montes (Viña Montes), a melhor vinícola do Chile em 2022. Onde fica, como chegar, quanto custa e muito mais!

Saiba como é a visita à Vinícola Montes (Viña Montes), a melhor vinícola do Chile em 2022. Onde fica, como chegar, quanto custa e muito mais!


RESOLVA SUA VIAGEM

Viajante, fotógrafa e bióloga. Largou tudo e ganhou tudo ao mudar de rumo em 2012 depois de defender um doutorado em biologia molecular na USP. Desde então vive, viaja e trabalha com foto e vídeo, sua verdadeira vocação. Ama viajar fora do esquema turistão e gosta mesmo é de paisagem humana!

DEIXE UM COMENTÁRIO

Deixe seu comentário!
Digite seu nome