Neste post você encontrará todas as dicas do que fazer em Cinque Terre e seus belos vilarejos suspensos com casinhas coloridas e vista pro mar da Ligúria, na Itália. Um destino cinematográfico para quem deseja experimentar um sabor mais mediterrânico da Itália com vista para o mar.

Saiba como chegar em Cinque Terre, onde ficar, como se locomover e tudo o que você precisa para visitar esse paraíso.

O que fazer em Cinque Terre na Itália: dicas e roteiro de viagem


Navegue por tópicos


Quais são as 5 cidades de Cinque Terre?

As cinco vilas que formam o Parco Nazionale delle Cinque Terre (Parque Nacional Cinque Terre), na Costa da Ligúria, transformado em patrimônio da UNESCO em 1997, são: Riomaggiore, Manarola, Corniglia, Vernazza e Monterosso al Mare.

Os pitorescos vilarejos que atraem multidões de turistas todos os anos, têm praias de todos os tipos com um mar azulzinho que ajuda a amansar o calorão do verão e são interligados por uma série de trilhas, como a Sentiero Azzurro, a mais famosa delas.

Aproveite a oportunidade para conhecer as Cinque Terre de vários pontos diferentes e fique de olho nas belíssimas horas mágicas do dia. Ver o nascer ou pôr do Sol dessas colinas na costa italiana é mágico!

O que fazer em Cinque Terre na Itália: dicas e roteiro de viagem

Além de todas as Cinque Terre, construídas sobre colinas da Costa da Ligúria, em meio a plantações de oliveiras e vinhedos com vista para o mar, recomendo também ir até Portovenere, cidade construída no século 12, que mesmo não sendo oficialmente parte de Cinque Terre, é considerada a 6a terre.

É possível chegar até lá em uma viagem de apenas 30 minutos de ferryboat a partir de Riomaggiore.


Quer economizar muito na sua viagem para Itália?

Abra uma conta multimoedas grátis na Wise e tenha acesso a um cartão de débito internacional para sacar dinheiro e fazer compras online ou presenciais com a melhor taxa de conversão entre real e euro do mercado.

QUERO ABRIR MINHA CONTA


Como chegar em Cinque Terre

Os aeroportos mais próximos de Cinque Terre ficam nas cidades de Pisa (85km), Genova (112km) e Florença (150km), que está a apenas duas horas e meia de trem da estação de La Spezia, uma das principais bases para conhecer essa região.

Pegar o trem na Itália é super prático e barato. Uma passagem de Florença a La Spezia pode custar menos de 15 euros se você comprar com antecedência. Recomendo usar o site Omio para fazer uma busca online e encontrar a melhor opção para sua viagem.

Você também pode optar por outras cidades italianas que têm aeroportos com ligação direta com o Brasil para chega lá, como Milão (220km) e Roma (427km), estão mais distantes. Mesmo assim, é possível incluir o destino e uma bela viagem de carro pela Itália.

É bom lembrar que para quem pretende ir de carro para Itália e dirigir por conta própria, é obrigatório ter a PID (Permissão Internacional para Dirigir).


Quando ir a Cinque Terre?

Os meses ideais para visitar Cinque Terre são: maio, junho ou setembro. Dessa maneira você evitará as multidões e não sofrerá muito com as chuvas.

O verão é a época mais quente nas Cinque Terre e julho e agosto são meses mais quentes e agitados. Muito calor, muita gente e praias absurdamentes lotadas. Afinal de contas, Cinque Terre é uma das regiões mais disputadas da Itália.

Nesse período, os preços aumentam bastante e se você pretende visitar a região nessa época, prepare-se e faça as suas reservas de hospedagem com bastante antecedência. Quem avisa, amiga é!

Visitei Cinque Terre em agosto, o ápice do verão italiano, e pela foto você pode imaginar que tinha muita gente querendo aproveitar o mar azul da Ligúria, né?

O que fazer em Cinque Terre na Itália: dicas e roteiro de viagem

A partir de outubro, as chuvas podem se transformar em um problemão. Em 2011, Vernazza sofreu bastante com as chuvas e a cidade teve que ser praticamente desenterrada.

Também não é muito recomendado visitar Cinque Terre no inverno. Apesar do charme das luzes de natal em algumas das cidades, as temperaturas baixas e chuvas não combinam nada com um destino cheio de praias e atrações ao ar livre, né?!


Reserve seu hotel em Cinque Terre com até 50% de desconto


Quanto tempo é necessário para conhecer Cinque Terre?

Sei que muitas vezes não sobra tempo de ir a todos os destinos que a gente tem vontade de visitar, principalmente em um país tão rico e plural como a Itália, mas pra mim, o ideal é passar pelo menos 2 noites (3 dias) na região de Cinque Terre.

Hospede-se em uma das 5 Terres ou em La Spezia, que fica bem perto de Riomaggiore e é uma cidade maior, com opções de hospedagem mais econômicas e aproveite sua viagem.

Porém, se você não tiver muito tempo disponível no seu roteiro de viagem para Itália, é possível fazer um bate-e-volta para Cinque Terre e você nem precisa se preocupar em organizar nada. Basta contratar um tour guiado e pronto:


Dá para conhecer Cinque Terre em um dia?

Dá, mas mais ou menos. Eu mesma visitei a região em um dia só. Porém, dormi em La Spezia para, na manhã seguinte, visitar Porto Venere. E sinceramente?! Acho que em um dia só a gente não consegue aproveitar quase nada do Cinque Terre pode oferecer. Vale a pena rearranjar o roteiro para conseguir aproveitar de verdade.


Onde ficar em Cinque Terre

Se você está se perguntando qual o melhor lugar para se hospedar em Cinque Terre, saiba que existem duas opções: em uma das 5 vilas de pescadores de Cinque Terre (Riomaggiore, Manarola, Corniglia, Vernazza ou Monterosso al Mare) ou em La Spezia.

Hospedar-se em uma das Cinque Terres pode se tornar um sonho ou pesadelo. Isso porque a região é bastante acidentada, cheia de subidas, descidas, escadas, ‘escaladas’. Não é muito aconselhável para quem tem problemas de locomoção, ou quem está carregando muita bagagem, por exemplo. Fique atento a isso.

O que fazer em Cinque Terre na Itália: dicas e roteiro de viagem

A outra opção, La Spezia é válida para quem está em busca de uma cidade é maior, com uma boa estrutura de hospedagem, alimentação e transporte. Além de melhores preços.

Eu fiquei com vontade de me hospedar em uma das vilas, confesso. Mas pela praticidade e preço, acabei escolhendo La Spezia. De qualquer maneira, ainda volto!

É bom relembrar que se você quiser se hospedar em uma das Cinque Terre, principalmente na alta temporada, é ideal fazer a reserva com antecedência.

A seguir, você encontra uma lista com os melhores hotéis em Cinque Terre.

» Onde ficar em Riomaggiore

Boas opções de hospedagem em Riomaggiore são: The First (★ 8.2), com direito a terraço com vista pro mar, Scorci di Mare (★ 9.2) e Cinqueterre Residence (★ 9.5) que oferece estacionamento.


» Onde ficar em Manarola

Dicas de bons hotéis em Manarola são: Hotel Marina Piccola (★ 9.2) e o Ca’D’Andrean (★ 9). Para quem prefere alugar um apartamento, vale a pena conferir a Casa del Commodoro (★ 8.6).


» Onde ficar em Monterosso al Mare

Monterosso al Mare oferece mais opções de hospedagem. Hotéis com boas avaliações na cidade são: Hotel 5 Terre (★ 8.2) , Albergo Suisse Bellevue (★ 8.6), Hotel Porto Roca (★ 8.6), com vista e Hotel Villa Adriana (★ 8.7).


» Onde ficar em Corniglia

Para hospedar-se na charmosa Corniglia, a melhor dica é Rossi Tramonti sul Mare (★ 8.4).


» Onde ficar em La Spezia

Em La Spezia, me hospedei no CDH Hotel La Spezia (★ 9.6), pertinho da Estação Central. O hotel tem boa reputação e oferece estacionamento grátis. Outras opções de hotel em La Spezia com estacionamento grátis são: Hotel Firenze e Continentale (★ 8) e Le Ville Relais (★ 9).


Como se locomover em Cinque Terre?

Na minha opinião, o trem é a maneira mais fácil para chegar na riviera italiana de Cinque Terre já que todas as 5 cidades têm estações de trem interligadas pela ferrovia Gênova – La Spezia.

Para conhecer as cidades de trem, você pode comprar o ticket avulso do Cinque Terre Express ou o Cartão Turístico de Cinque Terre, que foi criado para facilitar a vida dos viajantes e oferece uma série de benefícios para explorar essa região.

A seguir, você encontra uma lista do que está incluído no Cinque Terre Treno MS Card (Multiservizi), que possui versões para 1 dia (€16), 2 dias (€29) e 3 dias (€41):

  • Uso ilimitado dos trens regionais no trecho Levanto a La Spezia (nas duas direções) e do ônibus da ATC (que faz o transporte entre as cidades e dos estacionamentos até o centro das cidades);
  • Acesso à área do Parque Nacional Cinque Terre e suas trilhas;
  • Uso gratuito dos banheiros públicos nas estações (custa 1 euro sem o cartão);
  • Navegação WI-FI nos hot spots do Parque;
  • Entrada reduzida nos Museus Cívicos de La Spezia (Amedeo Lia, Castello San Giorgio, CAMeC, Sigillo, Palazzina delle Arti, Etnográfico, Diocesano).

Você pode comprar os bilhetes nas máquinas localizadas nas estações de trem ou no escritório do turismo de Chinque Terre. Além do cartão, você também recebe um mapa com informações úteis para sua viagem.

As máquinas aceitam moedas, notas ou cartão de crédito e o processo é muito simples. Basta seguir as instruções, que podem ser lidas em italiano, espanhol, alemão ou inglês. É importante também validar o bilhete nas pequenas máquinas que ficam nas paredes do binário antes de entrar no trem.

Seu bilhete será carimbado com a data e horário e deverá estar sempre à mão caso o fiscal da companhia de trem o solicite. Caso isso ocorra com você, mantenha a calma e mostre o bilhete ao funcionário. Se você não carimbar sua passagem, terá que pagar uma multa na hora.

A desvantagem do trem é que a viagem é quase toda feita dentro de túneis e não dá pra ver muita coisa. Para apreciar a paisagem, talvez um passeio de barco seja mais adequado para quem tem pouco tempo em Cinque Terre.


Cinque Terre Card para Famílias

Para quem está viajando em família, também é possível comprar o passe turístico de 1 dia para famílias (2 adultos e 2 crianças de 4 a 12 anos) por um preço promocional de € 42.


» Cinque Terre de barco

Conhecer Cinque Terre da água é muito fácil, já que a maioria das vilas têm acesso ao mar. O Consorzio Marittimo Turistico 5 Terre oferece transporte de barco com rotas entre La Spezia, Lerici, Portovenere, Cinque Terre e Levanto; de La Spezia e Portovenere para Palmaria Island e Lerici para Portovenere.

Além do ticket individual para cada viagem, a empresa oferece também um passe diário, que acaba sendo mais barato para quem vai usar o serviço o dia inteiro. Basta ir até o ponto onde o barco sai e embarcar. Veja os preços e horários.

Se o orçamento da viagem estiver mais folgado, você também pode alugar um barco e fazer um passeio exclusivo. Parece uma boa, né?!

O que fazer em Cinque Terre na Itália: dicas e roteiro de viagem


» Passeios e Trilhas em Cinque Terre

Outra maneira de percorrer las Cinque Terre é caminhando. Algumas trilhas panorâmicas, como o Sentiero Azzuro, ligam as cinco vilas e são famosíssimas. Se você gosta de uma aventura, está no lugar certo.

Esse caminho entre as vilas de Cinque Terre foi ‘desenhado’ pela necessidade de locomoção dos moradores e com o passar do tempo, tornou-se uma rota para trekking com cerca de 12 km e altitude máxima de 200 metros.

A caminhada entre Riomaggiore a Monterosso dura cerca de 5 horas. Infelizmente, alguns trechos estão fechados devido a deslizamentos de terra, como é o caso da Via dell’Amore, parcialmente interditada desde 2012 e sem previsão de reabertura.

Recomendo que você informe-se sobre as trilhas abertas antes de partir para a aventura em Cinque Terre.

Também é importante saber que para percorrer essas trilhas é preciso ter, pelo menos o Cinque Terre Trekking Card, uma versão do passe turístico que não inclui o uso ilimitado do trem e que tem validade de 1 dia (€7,50) e de 2 dias (€14,50).

Se você não tiver afim de fazer a caminhada toda, não se preocupe, você ainda pode desfrutar das maravilhosas vistas panorâmicas fazendo as trilhas bem curtinhas perto de cada um dos vilarejos


Como é ir para Cinque Terre de carro?

Você também pode percorrer as 5 Terres de carro. Eu, particularmente, gosto muito de alugar carro na Itália, mas confesso que fiquei com medo da falta de estacionamento e dos congestionamentos do auge do verão italiano.

Exatamente para não ter nenhuma dor de cabeça, reservei um hotel perto da estação de trem em La Spezia com estacionamento grátis e deixei o carro lá.

Para quem não abre mão do carro, é bom saber que para acessar o centro das cidades de Cinque Terre você terá que deixar seu carro em estacionamentos pagos no alto das vilas.

A tarifa pode passar de 15 euros por dia. Recomendo chegar cedo para garantir uma vaga.


O que fazer em Cinque Terre na Itália

Agora que já cobrimos a parte prática das dicas de Cinque Terre, na Itália, nada melhor que começar a falar mais sobre o que fazer em cada uma das pequenas vilas cinematográficas que se dependuram sobre os penhascos com vista para o mar da Ligúria.

» Cinque Terre Riomaggiore

A viagem para Cinque Terre de trem começa em Riomaggiore, a primeira terre a partir de La Spezia.

Os destaques por aqui, são a Igreja di San Giovanni Battista, o Castello di Riomaggiore e a Via Colombo, a principal rua da pequena vila, onde ficam muitos bares e restaurantes, com destaque para Il Pescato Cucinato e o prático Mama Mia, que vende uma pizza deliciosa.

O que fazer em Cinque Terre na Itália: dicas e roteiro de viagem

Andando em direção à praia começamos a ver as casas esculpidas nos penhascos à beira de um mar azul, mas muito azul. Fiquei babando só de olhar. Tanto que não dava pra resistir. A primeira coisa que fiz foi tomar um banho de mar.

A praia é bem diferente do que estamos acostumados e no lugar de areia, só tem pedras, mas a cor do mar é indescritível. Nunca vi um azul tão intenso.

O que fazer em Cinque Terre na Itália: dicas e roteiro de viagem


» Cinque Terre Manarola

A próxima parada é a terre Manarola, é uma vila antiga de Cinque Terre, construída durante período romano sobre um afloramento rochoso no vale do Rio di Groppo. É ali que são produzidos os vinhos de Cinque Terre, como o o Sciacchetrà.

Aqui é possível fazer uma degustação de vinhos com direito a caminhada pelas vinhas. Já pensou que sonho viajar pra lá?

Outros destaques de Manarola são a Igreja di San Lorenzo e a marina, que durante o verão vira praia e atrai uma multidão.

O que fazer em Cinque Terre na Itália: dicas e roteiro de viagem


Seguro viagem para a Europa é obrigatório, hein?

Se você tá pensando em viajar para a Itália, é bom saber que é obrigatório contratar um seguro viagem com cobertura mínima de € 30.000. Faça uma cotação grátis e ganhe até 10% de desconto usandoo código TOPENSANDO05 e pague menos pelo seu seguro de viagem, com uma cobertura mais abrangente para o seu dinheiro!


Leia também: Seguro viagem para Itália é obrigatório, mas qual é o melhor?


» Cinque Terre Corniglia

Corniglia é a terre que fica no alto e foi a minha vila preferida nessa viagem. É a única terre que não é ‘pé no mar‘, mas mesmo assim, é muito charmosa.

A vila é bem pequena, mas você pode visitar a Igreja de São Pedro, construída em 1334 e o Oratório dos Flagelantes de Santa Catarina.

Para chegar até o centro do vilarejo você pode usar o ônibus que sai da estação ferroviária – grátis com o Cinque Terre Card -, ou subir a Lardarina, uma longa escada com mais de 360 degraus.

Só não perca a hora. Se você voltar muito tarde e perder o último ônibus de volta para a estação ferroviária, você vai ter que descer a pé, como eu fiz.

O que fazer em Cinque Terre na Itália: dicas e roteiro de viagem

Do alto do vilarejo, entre oliveiras e vinhedos, tivemos a noção de como estes vilarejos realmente estão sobre um precipício à beira mar. Ainda deu para assistir a um pôr do Sol de babar.

O que fazer em Cinque Terre na Itália: dicas e roteiro de viagem


Eu amo fotografar o Sol. Olha só a minha coleção de ‘horas mágicas pelo mundo: Vamos celebrar o Sol!


» Cinque Terre Vernazza

Vernazza é um encanto. A charmosa vila tem origem na era romana e o seu coração durante o verão é a marina, onde fica a praia. Você também irá encontrar por aqui – e ao redor da praça – muitos bares e restaurantes, como Il Gambero Rosso, conhecido por seus deliciosos pratos com frutos do mar.

Para completar a visita, vá até o alto do Castello Doria e visite a bela Igreja de Santa Margherita, importante representante do estilo gótico da Ligúria, construída em 1318

O que fazer em Cinque Terre na Itália: dicas e roteiro de viagem


Encontre ofertas de hospedagem em Vernazza.


» Cinque Terre Monterosso al Mare

Por fim, chegamos a Monterosso al Mare, que é o vilarejo conhecido por suas duas praias que fervem durante o verão. E aqui, a pedida é essa: alugue um guarda-sol na Praia da Vila Antiga ou na Praia Fegina e aproveite o banho de mar tranquilo.

Outros destaques na parte alta de Monterosso são: o Mosteiro dos Capuchinhos, a Igreja de São Francisco e a Igreja de San Giovanni Battista, construída em 1244.

O que fazer em Cinque Terre na Itália: dicas e roteiro de viagem


BÔNUS: Portovenere, a ‘sexta Terre’

No dia seguinte, acordei cedo e fui visitar Portovenere, considerada a ‘6a Terre’. A cidade fica na pontinha sul da península no Golfo della Spezia, também chamado de Golfo dos Poetas e é terra do pesto mais famoso da Itália!

Pra chegar em Portovenere de La Spezia de carro é super fácil. Você também tem a opção de fazer o trajeto de barco ou de ônibus (linha P, direção a Portovenere). O caminho de carro é lindo, e margeado pelo mar da Liguria.

O que fazer em Cinque Terre na Itália: dicas e roteiro de viagem

Quando chegamos, fomos logo tratando de percorrer a trilha até a Igreja de São Pedro e me senti como se o tempo tivesse parado.

O que fazer em Cinque Terre na Itália: dicas e roteiro de viagem

Nos maravilhamos mais uma vez com a beleza do mar, das pedras, e como tudo ali parece interagir em perfeita harmonia! Maravilhoso.


Encontre ofertas de hospedagem em Portovenere e hospede-se com vista para o mar e com direito a muito pesto! Que delícia!


Conclusão: vale a pena conhecer Cinque Terre?

Sim, vale a pena demais! Cinque Terre um dos lugares mais lindos e populares da Itália. Super romântico e perfeito para quem curte uma boa praia. Você já conhece? Que tal deixar um comentário e me contar o que você achou? Vou adorar saber como como foi a sua experiência.

Qual é a cidade mais bonita de Cinque Terre?

Todas as cinco cidades que fazem parte de Cinque Terre são belíssimas, mas para mim, Manarola, Corniglia e Vernazza são as mais bonitas. Leia mais sobre elas.

Qual é a melhor viagem para Cinque Terre?

Planeje-se para conhecer Riomaggiore, Manarola, Corniglia, Vernazza e Monterosso al Mare, as cinco cidades que fazem parte de Cinque Terre e aproveite para visitar Porto Venere, que apesar de não oficialmente uma ‘Terre’, é um destino belíssimo na Costa da Ligúria. O ideal é passar pelo menos 2 dias nessa região e conhecer as cidades usando o trem, caminhando pelas trilhas e fazendo um passeio de barco. Leia mais.


Mapa Cinque Terre

Veja no mapa interativo a seguir onde fica Cinque Terre e conheça todas as localizações das dicas desse post.


Leia mais dicas da Itália


RESOLVA SUA VIAGEM

Viajante, fotógrafa e bióloga. Largou tudo e ganhou tudo ao mudar de rumo em 2012 depois de defender um doutorado em biologia molecular na USP. Desde então vive, viaja e trabalha com foto e vídeo, sua verdadeira vocação. Ama viajar fora do esquema turistão e gosta mesmo é de paisagem humana!