Viagem Peru 2024: novas regras e requisitos

Cupom de desconto para abrir sua conta Nomad

Se você está planejando uma viagem para o Peru em 2024, é muito importante que você se atualize em relação a regras Covid para a entrada de brasileiros no país.

Neste post, eu vou te contar tudo sobre os requisitos para entrar no Peru em 2024 por via aérea ou terrestre.

Confira as informações atualizadas para fazer turismo no Peru.

Dicas do melhor seguro viagem para o Peru


TIRA-DÚVIDAS PARA PLANEJAR SUA VIAGEM PARA O PERU
Precisa de passaporte para o Peru? Não. O RG (identidade brasileira) em boas condições e com a foto atual é suficiente;
Viagem para o Peru precisa de visto? Não.
Precisa seguro viagem com cobertura Covid? É recomendado. Faça uma cotação e ganhe até 25% de desconto.
Precisa apresentar certificado de vacina contra Covid-19? Não.
Precisa apresentar certificado de vacina contra febre-amarela? Não.
* Fonte: Peru Travel


Requisitos para entrar no Peru 2024

De acordo com as regras do Ministério da Saúde do Peru, brasileiros em viagem para o Peru em 2024 devem cumprir os requisitos:

  • Apresentar documento de viagem válido (RG ou passaporte);
  • É recomendado ter seguro viagem para o Peru.

Apresentar documento de viagem válido (RG ou passaporte)

Um dos requisitos obrigatórios para realizar uma viagem para o Peru em 2024 é a apresentação de um documento de viagem válido.

No caso dos cidadãos brasileiros, pode ser passaporte ou documento nacional de identidade (RG).

É importante ressaltar que o RG deve estar em boas condições e a foto deve permitir identificação clara do viajante. O passaporte deve ter validade mínima de seis meses a partir da data da viagem para o Peru.

Requisitos para viagem ao Peru na pandemia


Leia também: 9 países baratos que você não precisa de passaporte para viajar


Seguro viagem Peru é necessário?

Seguro viagem para o Peru não é um dos requisitos obrigatórios para a entrada de turistas brasileiros no país. Porém, é extremamente recomendável que você contrate um.

Essa é a minha recomendação e também a recomendação do Ministério das Relações Exteriores do Brasil.

Apesar do sistema de saúde peruano ser fragmentado em setor público e setor privado, os hospitais públicos não oferecem atendimento gratuito a turistas estrangeiros.

E dependendo da gravidade da emergência, o atendimento pode custar o equivalente a dezenas, centenas ou milhares de dólares.

A dica de ouro para economizar, é usar um comparador de seguros viagem online para comparar planos lado-a-lado e contratar o ideal para você.

Uso e recomendo o site da Seguros Promo, que tem o melhor preço e atendimento do mercado.

Na tabela a seguir, você vê os 4 planos com o melhor custo-benefício mais contratados pelos nossos leitores.

PARA QUEM É QUANTO CUSTA PRINCIPAIS BENEFÍCIOS
É o plano de seguro viagem mais barato do mercado. A partir de R$ 6,89 por dia de viagem. (R$ 68,89 para uma semana de viagem)
  • USD 15.000 de cobertura médica;
  • Cobertura COVID-19;
  • USD 200 de cobertura odontológica;
  • Cobertura médica para prática de esportes;
  • Telemedicina.
É o plano com melhor custo-benefício. A partir de R$ 11,35 por dia de viagem. (R$ 113,51 para uma semana de viagem)
  • USD 60.000
  • Cobertura COVID-19;
  • USD 600 de cobertura odontológica;
  • Cobertura médica para prática de esportes
  • Telemedicina.
É recomendado para idosos, gestantes ou pessoas com alguma condição de saúde preexistente. A partir de R$ 27,79 por dia de viagem. (R$ 277,96 para uma semana de viagem)
  • USD 150.000;
  • Cobertura COVID-19;
  • USD 700 de cobertura odontológica;
  • Cobertura médica para prática de esportes;
  • Telemedicina.
É um pano especial para estudantes no Peru. A partir de R$ 18,91 por dia de viagem. (R$ 189,13 para uma semana de viagem)
  • USD 60.000;
  • Cobertura médica para prática de esportes;
  • Cobertura COVID-19;
  • Retorno de menor desacompanhado

Ficou com alguma dúvida, acesse o guia completo com as melhores dicas de seguro viagem para o Peru ou deixe um comentário.


Câmbio no Peru: qual é a melhor forma de levar dinheiro para uma viagem para o Peru?

A moeda oficial do Peru é o Sol (S/). Existem notas de 10, 20, 50, 100 e 200 soles. E moedas de 1, 2 e 5 soles. Além de 10, 20 e 50 centavos.

Se você quiser levar dinheiro vivo para trocar em bancos ou casas de câmbio, recomendo levar dólar.

Porém, hoje em dia, a melhor maneira de levar dinheiro para viagens internacionais, é usar os cartões de débito vinculados a contas internacionais.

Eu recomendo a conta global Nomad e a conta multimoedas Wise.

Use o cartão Nomad no exterior para economizar

Essas contas oferecerem um cartão de débito sem anuidade ou mensalidade e operam com o câmbio do dólar comercial. Mais vantajoso do que o dólar turismo, usado pelas casas de câmbio no no Brasil.

E cobram apenas 1,1% de IOF. Menos que os 4,38% cobrados pelos cartões de crédito brasileiros.

Você também pode sacar soles em caixas automáticos. Tanto o cartão Nomad quanto o Wise oferecem dois saques gratuitos por mês.


Leia também: Abra uma conta Nomad com o cupom Nomad TPEV20 e ganhe até 20 dólares (R$ 100) de presente na primeira operação de câmbio


Requisitos para voltar ao Brasil depois da viagem ao Peru

Brasileiros e estrangeiros não mais precisam apresentar comprovante de vacinação ou teste negativo de Covid-19 para entrar no Brasil. A decisão foi adotada pela Anvisa em março de 2023.


Conclusão: requisitos para entrar no Peru 2024

<strong>Para ir para o peru precisa de passaporte?</strong>

Se você está na dúvida se viajar para o Peru precisa de passaporte, saiba que a resposta é não! Os cidadãos do Brasil, Argentina, Paraguai, Uruguai, Equador, Colômbia, Bolívia, Venezuela e do Chile podem entrar no país apenas com documento de identificação nacional (rg aqui no Brasil).

<strong>Precisa de visto para o Peru?</strong>

Não. O viajante brasileiro não precisa de visto para o Peru e o período máximo de permanência no país é de 180 dias. Caso você precise ficar mais tempo para estudar ou trabalhar, é necessário solicitar um visto especial nos consulados peruanos no Brasil.

<strong>Peru exige vacina Covid?</strong>

Não. Atualmente não existem vacinas obrigatórias para entrar no Peru.

<strong>O que precisa para entrar no Peru?</strong>

Brasileiros em viagem para o Peru em 2024 apresentar documento de viagem válido (RG ou passaporte).

<strong>Peru exige vacina de febre amarela?</strong>

Não. O comprovante da vacina de febre-amarela não é um requisitos para entrar no Peru em 2024. Mas a vacina é recomendada para quem deseja visitar a região amazônica do país.

Leia mais dicas de viagem para o Peru


Salve essas dicas de viagem para o Peru

Saiba quais são todas as regras e requisitos para uma viagem para o Peru em 2022 durante a pandemia do novo coronavírus.

Saiba quais são todas as regras e requisitos para uma viagem para o Peru em 2022 durante a pandemia do novo coronavírus.


Alessandra B. Fratus
Alessandra B. Fratushttps://www.alessandrafratus.com
Viajante, fotógrafa e bióloga. Largou tudo e ganhou tudo ao mudar de rumo em 2012 após defender um doutorado em biologia molecular na USP. Desde então vive, viaja e trabalha com foto e vídeo, sua verdadeira vocação. Ama viajar fora do esquema turistão e gosta mesmo é de paisagem humana!
LEIA TAMBÉM

Esse post pode conter links de afiliados. Ao utilizar um deles para fazer as reservas da sua viagem, você ajuda a manter o nosso site sempre atualizado. E não paga nada a mais por isso. Muito obrigada pelo seu apoio!

  1. Obrigado, Alessandra, por este conteúdo tão útil! Nestes tempos de incerteza, encontrar informações atualizadas e confiáveis sobre viajar para o Peru é um verdadeiro tesouro.

    A parte que você descreve sobre os requisitos de entrada e as medidas de segurança é essencial para tomar decisões informadas e viajar com confiança.

    Continue com esse excelente trabalho e aguardo ansiosamente por mais dicas e atualizações úteis no futuro.

  2. Boa tarde Alessandra,
    Gostaria muito de saber a respeito dessa vacinação contra covid, pois vacinei as duas primeiras dose e não quero vacinar mais nenhuma. Vamos via terrestre ao Peru em Junho de 2023, vc poderia me orientar a respeito?
    Agradecida.

    • O reforço é apenas para sua própria segurança, Brigida. “Estrangeiros não residentes no Peru com mais de 12 anos de idade (independente da nacionalidade) deverão apresentar comprovante de esquema vacinal completo de acordo com as regras sanitárias do seu país de origem.” e aqui no Brasil, é considerado completamente vacinado, o viajante que tenha completado o esquema vacinal primário (duas doses ou dose única, de acordo com o imunizante) há, no mínimo, 14 dias antes da data do embarque.

  3. Olá Alessandra, quando um turista visita o Peru, ele precisa realmente apresentar a passagem de volta no aeroporto na migracao quando entra.

    Empresas estao pedindo a compra da passagem de volta tb para poder vender a passagem

  4. Olá, Alessandra! Já te agradeço desde já. Para ingressar no Peru, basta apresentar o cartão que emitimos no site do ConectSus ou é necessário o cartão de vacinação internacional como o da Febre Amarela?

  5. Ola Alessandra!
    Vi que para conexões onde a permanência é menor que 24h, não há a necessidade de Declaração Juramentada. Mas onde consigo essa informação nos sites oficiais? Não achei em lugar algum e não sei o que preencher no “real address” já que só vou fazer conexão em Lima. Obrigada!

    • oi Amanda, tudo bem? O link para o site oficial do turismo do Peru está no texto. Você pode entrar em contato com eles através do Whatsapp. Respondem na hora. Eu colocaria o endereço do aeroporto.

  6. Nossa, obrigada!!!! Suas informações ajudaram muito!! Viagem para Outubro,e tinha várias dúvidas….Agradeço imensamente

  7. Alessandra, você diz que para brasileiros não residentes no Peru bastam as duas doses da vacina (sistema vacinal primário completo), pois valeria a regra do país de origem (Brasil). Ocorre que a Nota Técnica 19/2022-SECOVID/GAB/SECOVID/MS diz o contrário, que deve ser respeitada a regra do país de destino (Peru), pela qual aquele país exige a 3ª dose (reforço). Como fica isso? Tomei as duas doses obrigatórias e não quero tomar o reforço. Já peguei Covid, curei-me rápido, sem complicações e sem sequelas, ou seja, meu sistema imunológico reagiu muito bem. Por que eu tomaria o reforço? Não faz sentido! Bem, afinal, com as duas doses entro ou não entro naquele país? Viagem próxima, hotéis reservados, ingressos para atrações comprados…

    • Pois é, Tasso. O mais fácil, nesse caso, seria tomar o reforço. Inclusive para a sua própria segurança e para manter seu status imune. Não vejo motivos para não tomá-lo. Ambos, inclusive!

      Segundo as regras oficiais, a necessidade da terceira dose se aplica apenas para residentes no Peru. Se a dúvida ainda persistir, recomendo que você entre em contato com o turismo do país. Eles têm um canal pelo Whatsapp que pode te ajudar. Entrei em contato hoje e eles confirmaram as regras que estão neste post.

  8. No meu caso que irei passar por várias cidades do Peru, como Lima, cusco, machu Pichu e Puno, preciso estar preenchendo para cada cidade um juramento ?

  9. Olá Alessandra, para entrada no Peru, como NÃO tenho vacinação nenhuma para covid, posso apenas apresentar o exame PCR negativo com 48h de antecedência, certo?

    Há necessidade do laudo estar em espanhol ou ingles? Precisa ser tradução juramentada?

  10. Quem não se vacinou covid19, para viajar ao Peru permite apresentar o teste no embarque o exame negativo de PCR. Agora, pode pode informar mais sobre isso? No dia a dia, existe cobrança, exigência para entrar em metrôs, ônibus, hotéis, restaurantes os passeios em geral? Isso não está claro para o leitor. Obrigada!

  11. Oi, vamos sair do Brasil e ir para o Chile e do Chile para o Peru por terra. Sabe se tem alguma restricao com relacao a nao sermos residentes no Chile ingressando no Peru?

  12. Muito obrigado pelas informações, quanto ao estar com o esquema de vacinação completa, 2 doses de Pfizer, tomei em 2021. São suficientes?

    Caso sejam suficientes, não preciso fazer os testes PCR, tanto pra sair quanto entrar?

  13. Boa noite! No meu certificado de vacina só tem primeira e segunda dose, não aparece o reforço. Tem algum problema?

  14. Oi Alessandra. Estou indo em Julho e não estou conseguindo baixar o cartão de vacinação pelo ConecteSus. Sabe me dizer se tem outra forma? Obrigada.

  15. Olá Alessandra e obrigada pás dicas incríveis.
    Sabe se ainda é necessário o PCR para voltar p Brasil , hj dia 06de junho de 20222

  16. Para entrada no Peru, como NÃO tenho vacinação nenhuma para covid, posso apenas apresentar o exame PCR negativo com 72h de antecedência?

Deixe seu comentário

Deixe seu comentário!
Digite seu nome

RESOLVA SUA VIAGEM