A experiência incrível de passar uma noite no deserto do Saara, no Marrocos

21

Um dos grandes destaques da nossa viagem de 10 dias no Marrocos foi a experiência incrível de passar uma noite no Deserto do Saara em uma tenda berbere no Marrocos.

Os povos berberes são considerados os ‘povos originais’ dessa região do norte da África e a vida nômade é parte importante dessas culturas. Esses povos passaram séculos explorando o deserto do Saara, maior deserto do mundo, com impressionantes 9 milhões de quilômetros quadrados de extensão e se auto denominam Imazighen, ou Amazigh (no singular), palavra que significa ‘homens livres’.

Passar a noite no deserto do Saara no Marrocos é a sua chance de sentir na pele como é ser ‘livre’ como um Amazigh.

Como é passar a noite no deserto do Saara, no Marrocos

O Deserto do Saara no Marrocos

Os destinos mais comuns no Marrocos para ter a experiência única de passar uma noite no deserto do Saara são Merzouga e Zagora.

A diferença é que o deserto de Zagora não tem dunas tão impressionantes quanto as de Merzouga, que chegam a 150 metros de altura! Por outro lado, Zagora fica a 360 km de Marrakech, mais perto que Merzouga, que fica a 550km do principal destino turístico do país.

Pra quem não tem muito tempo, Zagora pode ser uma opção ‘mais rápida‘ para conhecer o deserto do Saara, economizando um dia ou dois de viagem, já que a maioria das excursões para Merzouga duram sempre 3 ou mais dias.

Nós escolhemos Merzouga e as maravilhosas dunas de Erg Chebbi e não nos arrependemos. Olha só que visual!

Como é passar a noite no deserto do Saara, no Marrocos

Como chegar ao deserto do Saara no Marrocos?

Escolhemos conhecer o Marrocos de maneira independente, viajando de norte a sul do país com um carro alugado. E foi uma aventura! Nós começamos nossa viagem pelo Marrocos em Tânger, no norte do país, conhecemos Chefchaouen, a cidade azul, conhecemos Fès, a cidade imperial e de lá seguimos para Merzouga e depois em direção a Marrakech, passando pelos impressionantes desfiladeiros de Todra e Dades.

Se a viagem independente não é pra você, não se preocupe. Você pode contratar uma excursão até Merzouga tanto a partir de Marrakech quanto de Fès, dois destinos turísticos bastante comuns no Marrocos.

Para chegar até Merzouga, cruzamos vales, montanhas e até uma floresta de cedro centenária em um trajeto alucinante que durou praticamente o dia todo. A viagem é puxada, mas é linda. É no interior do Marrocos que a gente consegue realmente perceber a beleza e imensa riqueza natural e cultural desse país incrível.

Como é passar a noite no deserto do Saara, no Marrocos

Merzouga

Merzouga é uma cidade bem pequena, praticamente um vilarejo, mas oferece diversas opções de hospedagem para viajantes em busca da experiência única de passar a noite no deserto do Saara.

Muitos hotéis e riads ficam afastados do centro de Merzouga e são literalmente ‘pé na areia do deserto‘. Vários deles oferecem boa estrutura, ótimo café da manhã – coisa comum no Marrocos – e até piscina.

Nós escolhemos o hotel Kanz Erremal, mas existem outras opções, como: o Luxury Camp Chebbi, o Riad Madu ou o Kasbah Azalay Merzouga.

O passeio até o acampamento berber no meio do deserto do Saara

Se você estiver viajando de maneira independente, muito provavelmente seu hotel ou riad vai oferecer o ‘passeio‘ para passar uma noite no deserto.

O ‘passeio‘ geralmente inclui a experiência de passar uma noite em uma tenda berbere no meio do deserto, com direito a um jantar, preparado ali no acampamento mesmo. A estrutura, facilidades e luxo das tendas dependem muito da sua escolha e do seu orçamento. Há passeios para todos os estilos e bolsos.

E sabe o que é mais emocionante ainda?! Você pode chegar ao acampamento em meio às dunas do deserto do Saara de dromedário. Anima?!

Como é passar a noite no deserto do Saara, no Marrocos

Sofia ficou bastante preocupada nos dias anteriores à viagem, com a altura e ‘braveza’ dos bichanos, mas todos nós tiramos de letra. Os dromedários são usados há milhares de anos e são super adaptados à vida no deserto.

Se preferir, também existe a possibilidade de chegar até o acampamento em um veículo 4×4. É uma experiência diferente, né?

Nós fizemos um passeio diurno de 4×4 pelo deserto, que incluiu uma volta pelas dunas Erg Chebbi, visita a uma família nômade e também uma volta pelo Mercado de Rissani, o maior e mais movimentado mercado da região.

Pôr do sol no Deserto do Saara: uma versão mais light do passeio

Geralmente eles também oferecem uma versão mais light do passeio de dromedário, apenas para assistir o pôr do sol, mas se eu fosse você passaria a noite no acampamento.

A experiência de passar uma noite no deserto do Saara e chegar até o acampamento berbere de dromedário foi uma das minhas 10 Experiências Inesquecíveis no Marrocos. Recomendo muito!

Como é a experiência única de passar a noite no deserto do Saara, no Marrocos? 

Saímos às 18 horas do Kanz Erremal, guiados por um Amazigh, que como um encantador, fez com que os dromedários se abaixassem para que pudéssemos subir e começar a nossa ‘jornada’.

Uma das coisas que mais me preocupava era como os dromedários eram tratados. Sou totalmente contra o abuso de animais para fins turísticos e de entretenimento, mas nosso guia foi extremamente gentil com os bichões e até pediu que a gente continuasse à pé pois os dromedários estavam cansados. Ponto pra ele.

Como é passar a noite no deserto do Saara, no Marrocos

Chegamos até o alto de uma duna e de lá avistamos o nosso acampamento, protegido em um vale no meio do deserto. Como os ventos no deserto pode ser avassalador, geralmente os acampamentos ficam nesses vales, protegidos pelas enormes dunas.

Como é passar a noite no deserto do Saara, no Marrocos

O mais incrível é essa sensação de estar no meio do nada. Mais uma vez estávamos vivendo uma experiência única. Pensei no passado, não no meu, mas no passado daqueles que passaram por ali, por tanto tempo.

Pensei nos nossos ancestrais, e em como só é preciso estar vivo para viver. Me senti de alguma forma conectada àquilo tudo. Quantos e quantos antes de nós estiveram ali, cruzando aquele mesmo deserto, de norte a sul, sul a norte. Foi difícil segurar as lágrimas, viu?!

Depois de deixar as mochilas dentro da nossa tenda, assistimos a um pôr do sol incrível do alto de uma duna, que me tirou o fôlego!

Como é passar a noite no deserto do Saara, no Marrocos

Acho que consegui entender, por um fim de tarde, uma noite e uma manhã, como se sente um homem livre, um Amazigh.

O acampamento no deserto do Saara

De volta ao acampamento, comemos uma das melhores refeições da viagem, um tajine maravilhoso, que foi servido da tenda maior, comum a todo o nosso grupo. Depois, cada família dormiu em uma tenda privada.

As tendas

Nossa tenda era bastante confortável, dormimos no chão mesmo, sobre uma camada espessa de tapetes e debaixo de um monte de cobertores, usados pelos berberes para manter a tenda quentinha.

Quem quisesse também podia dormir nas camas de campanha de fora das barracas. A tenda comum também oferecia opções ‘no alto’.

Como é passar a noite no deserto do Saara, no Marrocos

Terminamos a noite sob um dos céus mais estrelados que eu já vi… ficou na memória!

O que levar na mochila para passar a noite no deserto do Saara

Obviamente, em um passeio assim, de dromedário, a sua bagagem tem que ser bem limitada e bem pensada. Geralmente cada pessoa pode levar nas costas uma mochila apenas com o básico e pra te ajudar a se preparar para passar a noite no deserto do Saara fiz essa listinha com alguns itens básicos que vão fazer a diferença:

  • Roupas largas e quentinhas para enfrentar a noite fria do deserto.
  • Lanternas (levei 3 e usamos todas).
  • Protetor solar, água engarrafada, álcool gel, e papel higiênico (item indispensável em qualquer road trip).
  • Um lenço para proteger o cabelo e o rosto.
  • Sandálias com tiras. O que entrou de areia no meu tênis é inacreditável…

Amanhecer no deserto do Saara

De manhã bem cedo acordamos para assistir um amanhecer espetacular no deserto do Saara. O vento da manhã fazendo a areia do deserto dançar é algo impressionante! Poesia natural.

Como é passar a noite no deserto do Saara, no Marrocos

De volta ao Kanz Erremal, tomamos um café maravilhoso, um ótimo banho e descansamos um pouco para continuar nossa viagem rumo a Marrakech, passando pelas gargantas de Tondra e Dades.

Planejamento de uma viagem para o Marrocos

Aluguel de carro no Marrocos

Eu super aconselho viajar de maneira independente pelo Marrocos, porém não tivemos uma boa experiência com a AirCar. O carro que alugamos estava em péssimas condições, com estepe praticamente imprestável.

Pra não ter nenhuma surpresa desagradável, recomendo usar o site da Rentcars.com. Além de garantir o melhor preço e condições de aluguel de carro no Marrocos, você não paga iof, e pode parcelar em até 12 vezes sem juros.

Hospedagem no Marrocos

Pra encontrar as melhores opções de hospedagem no Marrocos, recomendo usar o Booking.com.

Não esqueça do seguro viagem, hein?

Se você está pensando em encarar uma viagem assim, é essencial contratar um seguro viagem. Ele é uma garantia em caso de algum acidente ou emergência. Faça uma cotação e encontre a melhor opção para a sua viagem com pagamento em até 12 vezes no cartão de crédito. Ganhe 5% de desconto usando o código TOPENSANDO05.

Faça uma cotação grátis!


Leia também: Como encontrar o melhor seguro viagem internacional para você


 

Leia mais sobre a viagem de carro pelo Marrocos


Salve esse artigo no Pinterest!


Você pode seguir o TÔ PENSANDO EM VIAJAR nas redes sociais

FACEBOOK, INSTAGRAM e TWITTER


Compartilhar
Alessandra Fratus

Viajante, fotógrafa e bióloga. Largou tudo e ganhou tudo ao mudar de rumo em 2012 depois de defender um doutorado em biologia molecular na USP. Desde então vive, viaja e trabalha com foto e vídeo, sua verdadeira vocação. Ama viajar fora do esquema turistão e gosta mesmo é de paisagem humana!

21 COMENTÁRIOS

  1. Alessandra, estou montando um roteiro baseado no seu. Dia 1: Tariga – Tanger a Chefchouen. Dia 2: Chefchouen a Merzouga (sao 10 horas de estrada). Dia 3: Merzouga a Deserto Saara (Dormir no Deserto). Dia 4: Merzouga – Ourzazate. Dia 5: Ourzazate – Marrakesh. Dia 6: Marrackesh – Madrid. Vc acha viável este roteiro? Pretendo alugar um carro pela rentalcars em Tanger. Vamos na primeira quinzena de Março, eu e minha esposa. Quando vc chegou em Merzouga vc contratou o passeio no deserto? Gostamos de viajar por conta própria…vc ver muitas dificuldades? Muito obrigado…temos um instagran de viagens: @simbora.viajar, depois dê uma espiada lá. Abraços.

    • Oi Frederico, tudo bem?!? Eu acho a viagem de Chefchaouen a Merzouga muito longa pra um dia só. Não acho que vale não. Eu pararia em Fés por um dia. É uma cidade muito importante no Marrocos. Se for possível, eu esticaria um pouco esse roteiro, porque vai ser muito corrido fazer tudo isso em tão pouco tempo. Contratei o passeio no deserto no hotel que fiquei. Eu alugaria o carro com a RentCars. Bem mais confiável! Minha experiência com a Rentalcars no Marrocos foi horrível. Não recomendo. Usando esse link você ainda dá uma ajudinha pra nós! ;)! Obrigada pela visita.

  2. Ola, sou eu de novo…kkk
    Sobre essa noite no deserto, foi o hotel que vice ficou que arranjou tudo, teve que pagar uma noite extra ou a diaria do hotel serve para a noite no deserto?
    Eu adorei esse hotel que vc ficou em merzouga, viu reservar!

    • Oi Alice, tudo bem?! Fique à vontade pra mandar suas dúvidas por aqui. Estou à disposição. Você paga um extra pra fazer o passeio, que também inclui jantar. O hotel é ótimo, e o pessoal é super gente fina. O café da manhã então, é delicioso!!! Voltamos do passeio, e ainda tivemos tempo pra tomar um banho, um bom café da manhã, e pegar a estrada! Lembrando que se você reservar pelos links do Tô Pensando em Viajar, você ajuda o blog a se manter, e não paga nada mais por isso! ;)! Obrigada pela visita.

  3. Alessandra, to apaixonada pelo seu roteiro, vou pra Marrocos em dezembro com meu namorado e to pensando em fazer mais ou menos o que voce fez! Muito obrigada por todo relato! Eu tenho uma pergunta, a estradas são tranquilas pra usar um carro econômico, que não seja 4×4? Abraços

    • oi Isabella! O Marrocos é mesmo apaixonante! O carro 4×4 não é totalmente necessário, principalmente se você ficar nas estradas principais, que são ótimas. O que recomendo é alugar o carro com uma empresa confiável! Abração.

  4. Olá Alessandra, parabéns pelo relato! Adorei!
    Tenho uma dúvida, qual a melhor maneira de fazer o trecho de Fez até Merzouga? Vocês alugaram carro? Ou pegaram uma excursão completa?
    Obrigada!

    • Oi Mariana, obrigada pela visita. Nós fizemos o percurso de carro mesmo. Viajamos de maneira independente durante os 10 dias que passamos no Marrocos. Mas se você preferir, pode ir de excursão sim, sem problemas! Abraços e boa viagem!

  5. Olá Alessandra,
    Parabéns pelo relato, muito bacana!!!
    Qual foi o mês que você foi ? Estou planejando em ir em Dezembro e estou com receio da temperatura a noite no deserto!

    • Oi Mayte, tudo bem?! Fomos pro Marrocos em março. Acho que em dezembro as temperaturas serão bem baixas. Vale a pena se informar com o pessoal com quem você vai fazer o passeio sobre as condições durante esse período. Obrigada pela visita!

    • Olá, Emerson. Tudo bem?! Obrigada pela visita! Eu estive em Merzouga, e pessoalmente não senti nenhum risco durante nossa noite no deserto. Fizemos o passeio em 2014, com o pessoal do nosso hotel, e foi uma ótima experiência! Abraços

  6. Parabéns pelo post, ajudara muito em minha viagem do ano que vem. Você demostrou tudo e com uma riqueza de detalhes que é impressionante, parabéns mesmo.

  7. Incrivel!! To planejando ir para Marrakesh, e talvez esticar até o Sahara.
    Fotos impressionantes. Excelente post, parabéns.

Deixe seu comentário

Deixe seu comentário!
Digite seu nome