Granja Viana

Granja Viana (por vezes grafada como Granja Vianna) é distrito nobre localizado na região oeste da Grande São Paulo com centenas de micro bairros e residenciais fechados. Tem sua área dividida entre os municípios de Cotia, Carapicuíba, Embu das Artes, Osasco e Jandira. A Granja Viana se originou do desmembramento de três grandes fazendas, a principal, Carapocuyba de Niso Vianna – rotariano e industrial do ramo de fertilizantes. Fundou a Escola Lar Rotary, que em 1982 passou a ser o Colégio Rio Branco, ajudou a fundar a Igreja Santo Antônio, a qual sua esposa Vanetty Vianna era devota, e partilhou terras com seus fiéis colaboradores e colonos. Há também o desmembramento da Fazenda Cabanas (ou Moinho Velho) de José Giorgi, Fazenda Lindeira e a Fazendinha da família Junqueira de Aquino. Pela extensão dessas terras, ainda hoje existe a discussão se outras regiões também fazem parte do distrito, estas regiões estão localizadas nos municípios de Embu das Artes, Osasco e Jandira. Possui 50 km² de área e conta com uma população acima de 35.000 habitantes. Situa-se nas margens da Rodovia Raposo Tavares (SP-270), do km 20 (na altura do bairro Gramado) até o km 30, em ambos os lados. A região tem crescido muito nos últimos anos e requer a atenção das autoridades estaduais em relação a infraestrutura para o melhor aparelhamento dos novos residenciais e centros comerciais. A falta de atenção poe essas autoridades, quer seja municipais e estaduais tem transformado a Rodovia Raposo Tavares, uma das principais do Estado, para escoamento de produção agrícola em condições intransitáveis especialmente nos horários de pico. A preocupação com a devastação ambiental também é uma crescente e não esta sendo observada principalmente pelo município de Cotia.