Segundo a lenda do açaí, existia, no coração da Floresta Amazônica, uma nação indígena que em determinada época, com o crescimento de sua população, passou a enfrentar um período de escassez de comida sem precedentes.

Diante da gravidade da crise, o cacique Itaki determinou que as crianças mais novas de cada família deveriam ser sacrificadas para que não faltasse comida para os mais velhos, ‘mais úteis’ ao bem comum da tribo.

Diante do destino, implacável como só ele só, Itaki, mesmo sendo o líder da tribo, também teve que sacrificar sua netinha recém-nascida, e acabou causando um sofrimento sem fim em sua própria filha, Iaçã, que chorou por noites e noites, pedindo que Tupã, o deus do trovão, trouxesse uma solução que matasse a fome dos seus.

Palmeira de açai no Amapá

Foi quando, em uma dessas noites sofridas de lua cheia, quando o luar ilumina todos os pensamentos, Iaçã ouviu um choro fraco de criança do lado de fora da oca. Ao sair, viu sua filhinha sentada ao lado de uma alta palmeira.

Porém, quando correu até a pequena, para abraçá-la, viu a filha sumir como num passe de mágica. Inconsolável, a filha do cacique chorou a noite inteira até morrer de tristeza.

Na manhã seguinte, encontraram seu corpo abraçado à tal árvore. Suas lágrimas fizeram brotar no alto da palmeira, pequenos frutos escuros, que deram um suco grosso e muito nutritivo, que alimentou e alimenta aquela e todas as outras tribos originárias da Amazônia.

Fruto de açaí na árvore

Itaki, muito sábio, reconheceu a benção e deu à palmeira, o nome de Açaí (Iaçã ao contrário), que, em tupi, significa ‘fruta que chora’. O rei da Amazônia nasceu das lágrimas de uma mãe. Nasceu para consolar.

O açaí

A palmeira que produz o fruto do açaí tem nome e sobrenome: Euterpe oleracea. Nativa da Venezuela, Colômbia, Equador, Guianas e da região norte do Brasil (AM, PA, AP, MA), ela pode chegar a 25 metros de altura.

Copa da palmeira de açai no Amapá

Curiosidades sobre o açaí da Amazônia

  • O Brasil é responsável por 85% da produção mundial de açaí.
  • No Norte do Brasil, o açaí é servido como acompanhamento de peixe ou camarão, sempre com farinha de tapioca ou de mandioca, e um pouquinho de açúcar, se quiser!
  • Comer açaí com granola ou frutas, pro pessoal da região norte é um pecado quase mortal. Nem tente!

Você já pensou em fazer seguro viagem nacional?

Além de assistência médica e odontológica, o seguro viagem nacional oferece outras coberturas importantes, como: reembolso de despesas por atrasos ou cancelamentos de voo, dano ou extravio de bagagem e até mesmo cancelamento de viagem.

Tudo isso por um investimento de menos de R$5 por dia de viagem!

Não perca tempo e faça já uma cotação no site da Seguros Promo com até até 10% de desconto!

QUERO DESCONTO


Leia também: Dicas infalíveis para comprar seguro viagem mais barato


Leia mais dicas de viagem para o norte do Brasil


Salve esse post no Pinterest

Conheça a lenda do açaí, o fruto que é um verdadeiro rei da Amazônia e cujo nome significa 'fruta que chora'.


DEIXE UM COMENTÁRIO

Deixe seu comentário!
Digite seu nome