Tá pensando em fazer uma road trip fora do Brasil e quer dicas de como tirar a Permissão Internacional para Dirigir, PID? Nesse post você vai saber como fazer a solicitação da PID no DETRAN-SP, quais documentos são necessários, quanto custa tirar a PID e muito mais. Bora se preparar para viajar o mundo de carro?

Permissão Internacional para Dirigir

A carteira internacional de habilitação, também chamada de PID (Permissão Internacional para dirigir) é obrigatória apenas se você quiser dirigir por mais de 180 dias em algum dos países que fazem parte da Convenção de Viena, ou que têm o princípio da reciprocidade com o Brasil.

Permissão Internacional para Dirigir

Porém, pessoalmente, acho a PID muito importante no caso de uma abordagem policial. É um documento traduzido e pode facilitar muito a sua ‘conversa‘ com o policial de trânsito.

De qualquer maneira, é muito importante verificar no consulado do país a ser visitado, se o país aceita a CNH e/ou exige a Permissão Internacional para Dirigir (PID).

Em quais países a PID é válida?

Países signatários da Convenção de Viena

África do Sul, Albânia, Alemanha, Angola, Argélia, Argentina, Austrália, Áustria, Azerbaidjão, Bahamas, Barein, Belarus (Bielo-Rússia), Bélgica, Bolívia, Bósnia-Herzegóvina, Bulgária, Cabo Verde, Cazaquistão, Chile, Cingapura, Colômbia, Coréia do Sul, Costa do Marfim, Costa Rica, Croácia, Cuba, Dinamarca, El Salvador, Equador, Eslováquia, Eslovênia, Estados Unidos, Estônia, Federação Russa, Filipinas, Finlândia, França, Gabão, Gana, Geórgia, Grécia, Guatemala, Guiana, Guiné-Bissau, Haiti, Holanda, Honduras, Hungria, Indonésia, Irã, Israel, Itália, Kuweit, Letônia, Líbia, Lituânia, Luxemburgo, Macedônia, Marrocos, México, Moldávia, Mônaco, Mongólia, Namíbia, Nicarágua, Níger, Noruega, Nova Zelândia, Panamá, Paquistão, Paraguai, Peru, Polônia, Portugal, Reino Unido (Inglaterra, Irlanda do Norte, Escócia e País de Gales), República Centro – Africana, República Democrática do Congo, República Checa, República Dominicana, Romênia, San Marino, São Tomé e Príncipe, Seichelles, Senegal, Sérvia e Montenegro, Suécia, Suíça, Tadjiquistão, Tunísia, Turcomenistão, Ucrânia, Uruguai, Uzbequistão, Venezuela e Zimbábue.

Princípio de Reciprocidade com o Brasil

Angola, Argélia, Austrália, Canadá, Cabo Verde, Cingapura, Colômbia, Coréia do Sul, Costa Rica, El Salvador, Emirados Árabes Unidos, Equador, Estados Unidos, Gabão, Gana, Guatemala, Guiné-bissau, Haiti, Holanda, Honduras, Indonésia, Líbia, México, Namíbia, Nicarágua, Nova Zelândia, Panamá, Portugal, Reino Unido (Inglaterra, Irlanda do Norte, Escócia e País de Gales), República Dominicana, São Tomé e Príncipe e Venezuela.

Qual é a validade da Permissão Internacional para Dirigir (PID)

A validade da nova Permissão Internacional para Dirigir (PID) é de 3 anos, ou a mesma validade da sua habilitação brasileira (a que vencer primeiro).

Como tirar a Permissão Internacional para Dirigir (PID)

Como nós moramos em São Paulo, vamos mostrar o processo de solicitação da PID no Detran SP. Se você mora em outro estado, pode encontrar as informações no site do Detran estadual. No fim do post tem uma lista com os sites e preços atualizados da solicitação da PID em todos os estados brasileiros.

Condições para tirar a Permissão Internacional para Dirigir (PID)

  • Ter habilitação brasileira com foto em situação regular.
  • Ter habilitação brasileira dentro do prazo de validade.
  • Ter habilitação emitida pelo Detran.SP.
  • Ter habilitação sem processo de mudança de categoria.

Quanto custa a Permissão Internacional para Dirigir (PID)

A taxa de Emissão da PID do Detran.SP é R$ 275,77 e o custo de envio pelos Correios é R$ 11,00.

Confira a lista com as taxas de emissão da PID em todos os estados do Brasil.

Passo a passo de como tirar a Permissão Internacional para Dirigir (PID)

  • Pela Internet

Você deve acessar o site do Detran.SP, fazer seu cadastro e login e solicitar a PID, informando todos os dados solicitados.

Após confirmar a solicitação, você deve pagar a taxa de emissão da PID do Detran.SP em um dos bancos conveniados: Banco do Brasil, Bradesco ou Santander.

Não se esqueça de incluir o valor do envio por correio, senão você vai ter que refazer a solicitação pessoalmente no Detran.SP.

  • Pessoalmente

Se você mora na capital de São Paulo, você pode solicitar a sua PID pessoalmente nas unidades Aricanduva, Armênia, Interlagos, Posto Metrô Marechal Deodoro ou no Posto Raposo Shopping (veja os endereços aqui), ou no Poupatempo.

Caso more no interior, pode procurar o Ciretran ou posto avançado do Detran.SP ou o próprio Poupatempo.

Viagens de Carro Inspiradoras

Eu tirei a minha Permissão Internacional para dirigir em 2013, como preparação para a viagem de 10 dias pela Califórnia e depois dessa viagem usei várias outras vezes:

Aluguel de carro no exterior

Uma ótima dica para alugar um carro no exterior é fazer uma cotação grátis no site da Rentcars. Você encontra o melhor preço do mercado, sem iof com pagamento em até 12 vezes sem juros. Usamos e recomendamos!

Quanto custa tirar a Permissão internacional pelo Brasil?!

Sua habilitação não é de São Paulo? Não se preocupe! Confira nessa lista o site do Detran do seu estado e o valor da correspondente de emissão da PID:


Preços apurados em dezembro de 2017. Para atualizações, confira o site do DETRAN do estado onde sua habilitação é registrada.


Salve essas dicas no Pinterest

Saiba todas as informações sobre a Permissão internacional para dirigir, obrigatória se você tá pensando em dirigir por mais de 180 dias em algum dos países signatários da Convenção de Viena ou com princípio de reciprocidade com o Brasil. Quanto custa, como tirar, qual é a validade. Tô pensando em viajar e você?


Você pode seguir o TÔ PENSANDO EM VIAJAR nas redes sociais

FACEBOOK, INSTAGRAM, e TWITTER


Compartilhar
Alessandra Fratus
Viajante, fotógrafa e bióloga. Largou tudo e ganhou tudo ao mudar de rumo em 2012 depois de defender um doutorado em biologia molecular na USP. Desde então vive, viaja e trabalha com foto e vídeo, sua verdadeira vocação. Ama viajar fora do esquema turistão e gosta mesmo é de paisagem humana!

2 COMENTÁRIOS

  1. Olá Alessandra, primeiramente muito obrigado pelas dicas em seu blog.
    Um dia quero conhecer Milão, mas sou louco por Roma, por isso pensei que seria melhor começar por Roma e não Milão. O que acha?

    Obrigado.

Deixe seu comentário

Deixe seu comentário!
Digite seu nome