Safári no Kruger Park: dicas para economizar

2

Fazer um safári no Kruger Park, na África do Sul está na lista dos sonhos de muitos viajantes e é mesmo uma experiência inesquecível. Porém, nem todo mundo tem orçamento para se hospedar em um dos luxuosos lodges ultra mega exclusivos, não é?

Esse post vai te mostrar que você pode sim fazer um safári no Kruger Park de maneira independente, com economia, segurança e muitos avistamentos de animais. Confira as dicas e boa viagem!

Safári no Kruger Park por conta própria de maneira econômica

Leia o post inteiro ou navegue por tópicos

O Kruger National Park

O Kruger National Park fica no nordeste da África do Sul, nas províncias de Mpumalanga e Limpopo, e ocupa uma área de quase 2.000.000 hectares. O parque é casa de mais de 500 espécies de pássaros e centenas de espécies de mamíferos, anfíbios, peixes e insetos. Isso sem esquecer da belíssima fauna, que impressiona por suas gigantes árvores que parecem vigiar os caminhos de quem vive e passa por ali.

Safári no Kruger Park por conta própria de maneira econômica

Qual é a melhor região para conhecer no Kruger Park?

O Kruger Park é imenso e cada região dentro do parque tem suas particularidades. A parte sul do parque é conhecida como ‘Grande Circo’, pela grande quantidade de animais e de turistas. Já a parte norte, mais longe de Joanesburgo, é uma região com menos turistas e mais tranquila do parque.

No mapa abaixo você vai encontrar as posições dos 9 portões de entrada do Kruger e quais são as cidades perto deles. As áreas coloridas em verde mais claro são as reservas privadas adjacentes ao parque nacional. Algumas delas são bem conhecidas dos brasileiros, como Kapama, Sabi Sand, Klaserie, Timbavati e Thornybush.

Safári no Kruger Park por conta própria de maneira econômica

Os 9 portões de entrada do Kruger Park e a distância de cada um deles até Joanesburgo, são:

  • Crocodile Bridge (475km)
  • Malelane (428km)
  • Numbi (411km)
  • Phabeni (430km)
  • Paul Kruger (460km)
  • Orpen (490km)
  • Phalaborwa (490km)
  • Punda Maria (550km)
  • Pafuri (600km)

Kruger X Greater Kruger

A região chamada de Greater Kruger é formada pelo Kruger National Park e por reservas privadas adjacentes ao parque, que derrubaram suas cercas pensando no bem estar dos animais e em seu comportamento de migração.

A grande diferença é que dentro do parque nacional só é permitido circular nas estradas. Já nas reservas privadas os veículos podem fazer off road e ir onde bem quiserem. Aumenta a adrenalina, né?!

Safári no Kruger Park por conta própria de maneira econômica

Qual é a melhor época para visitar o Kruger?

A melhor época para visitar o Kruger Park e avistar muitos animais é durante a estação seca, de maio a setembro. Nessa época a vegetação está mais baixa e seca e as temperaturas também são mais amenas. Além disso, durante o inverno o risco da malária também diminui.

Durante o verão chove mais, as temperaturas são mais altas, mas a vegetação está verdinha e deve ser um espetáculo também!

Quantos dias ficar?

A resposta para essa pergunta depende da vontade e bolso de cada um. Eu amo fazer safári fotográfico e confesso que ficaria super feliz em passar 15, 20 dias captando imagens e conhecendo os cantinhos do Kruger Park. Porém, a vida real é um pouco mais dura e sendo mais realista, eu te aconselharia a ficar por aqui no mínimo 2 noites.

Assim você pode aproveitar melhor a sua ‘caçada’ pelos temidos Big 5, os cinco animais mais perigosos da savana.

Leia também: Dicas fotográficas para um safári na África do Sul

Safári no Kruger Park por conta própria de maneira econômica

Quanto custa?

A taxa de conservação diária do Kruger Park custa R328 (R$82) para adultos e R164 (R$41) para crianças. Depois que você passa por um dos portões deve se dirigir até a recepção para fazer o seu cadastro e pagar as taxas.

* Valores válidos até outubro de 2018

Como chegar no Kruger Park

» De avião

A maneira mais rápida de chegar ao Kruger Park é voar até Joanesburgo a partir do Brasil e de lá pegar outro voo menor até um dos 4 aeroportos da região do parque, nas cidades de Nelspruit, Hoedspruit, Phalaborwa e no acampamento Skukuza, dentro do Kruger.

Existem vôos diários a partir de Joanesburgo para os aeroportos de Skukuza, Phalaborwa, Hoedspruit e KMIA (Aeroporto Internacional Kruger/Mpumalanga), entre as cidades de Nelspruit e White River.

Geralmente as passagens para o Aeroporto Internacional Kruger/Mpumalanga são mais baratas, fique de olho!

Você também pode voar a partir da Cidade do Cabo para os aeroportos de Skukuza, Hoedspruit e KMIA ou a partir de Durban direto para KMIA.

A partir de um desses aeroportos, você pode chegar até o Kruger Park de duas maneiras: com um transfer do lodge ou hotel onde você vai se hospedar, ou alugando um carro e dirigindo até lá por conta própria.

» De carro

Uma opção mais econômica para chegar até o Kruger Park é alugar um carro em Joanesburgo e dirigir até o parque. Nós usamos o site da Rentcars para pesquisar o melhor preço em aluguel de carro e garantir o pagamento sem iof.

Cerca de 390km separam o aeroporto O.R. Tambo em Joanesburgo do centro de Nelspruit e a estrada é tranquila e muito boa. Minha única recomendação é percorrer esse caminho durante o dia.

Leia também: Como é dirigir na África do Sul

Safári no Kruger Park por conta própria de maneira econômica

Uma vez dentro do parque, pode percorrer todo o sistema de estradas, algumas asfaltadas, outras não, sempre respeitando o limite máximo de velocidade de 50km/h. Aliás, é mais recomendado ainda manter uma velocidade média de 30km/h para garantir o máximo de segurança e aproveitar seu self drive.

Rota Panorâmica

Aproveite a viagem de carro a partir de Joanesburgo para fazer um desvio de 1 ou 2 dias e conheça a Rota Panorâmica, uma estrada incrível com vistas magníficas do maior cânion verde do mundo, o Blyde River Canyon. Vale a pena demais!

Safári no Kruger Park por conta própria de maneira econômica

Leia também: Roteiro de viagem de 10 dias pela África do Sul de carro

Onde ficar no Kruger Park

Se você não tiver orçamento para se hospedar nos lodges das reservas privadas adjacentes ao Kruger Park, não se preocupe. Você pode encontrar opções de hospedagem bem mais econômicas nas cidades perto do parque e entrar e sair do Kruger todos os dias, ou se hospedar nos rest camps dentro do próprio Kruger.

Safári no Kruger Park por conta própria de maneira econômica

As experiências são bem diferentes. O luxo e os serviços de primeira dos lodges tem seu custo. Hospedar-se dentro do Kruger tem sua emoção. Já a hospedagem nas cidades próximas pode ser a melhor opção para quem está procurando um pouco das duas coisas com um bom custo-benefício.

» Hospedagem fora do Kruger: dicas para economizar

Hospedar-se nas cidades próximas ao Kruger Park pode ser uma boa maneira de economizar durante sua viagem.

Hazyview (14km do Phabeni Gate), Hoedspruit (14km do Orpen Gate), Nelspruit (67km do Melelane Gate), White River (37km do Numbi Gate) e Phalaborwa oferecem ótimas opções de hospedagem para seus visitantes.

Lembre-se que se você vai apenas passar o dia no parque você deve respeitar os horários de entrada e saída e não tem conversa. Passou do horário, é multa. Confira nossa seleção de hotéis nessas cidades.

📍Onde ficar em Hazyview

Se você quiser se hospedar próximo ao centro de Hazyview, boas opções são: Kruger Park Lodge (★ 8.8) e Perry’s Bridge Hollow Boutique Hotel (★ 9.0). Opções mais econômicas são: Tanamera Lodge (★ 9.2) e Bush Baby Glen (★ 8.6).

Se preferir luxo, o Summerfields Rose Retreat and Spa (★ 9.2) é pra você!


Encontre outras ofertas de hospedagem em Hazyview


📍Onde ficar em Hoedspruit

Em Hoedspruit, uma excelente opção de hospedagem é o Unembeza Boutique Lodge (★ 9.6), que recebe muitos brasileiros e é um charme. Experimentamos e aprovamos!

Outras opções próximas do centro da cidade, são: eKhaya Bush Villa (★ 9.7) e Bushbaby River Lodge (★ 9.8).

Safári no Kruger Park por conta própria de maneira econômica


Encontre outras ofertas de hospedagem em Hoedspruit


📍Onde ficar em White River

Opções mais econômicas em White River são: Thokozani Lodge (★ 9.2) e Ku de Taa B&B (★ 8.8). O belo Casterbridge Hollow Boutique Hotel (★ 8.9) é outra ótima opção.


Encontre outras ofertas de hospedagem em White River


📍Onde ficar em Phalaborwa

Phalaborwa é uma opção na região norte do Kruger. Boas opções de hospedagem aqui, são: Sunbird Lodge (★ 9.3), Bushveld Terrace (★ 9.1) e La Lechere Guest House (★ 9.4).


Encontre outras ofertas de hospedagem em Phalaborwa


📍Onde ficar em Nelspruit

Nelspruit é uma das maiores cidades dessa região e fica a 67km do Malelane Gate, na parte sul do Kruger. A cidade oferece muitas opções de hospedagem e ótimos restaurantes e shoppings centers. Boas opções de hospedagem aqui, são: La Villa Vita (★ 9.7) e the Cycad Lodge & Chalets (★ 8.2).

Nos hospedamos no excelente Birds Babble Self Catering Guesthouse (★ 9.7), com ótima localização, instalações muito confortáveis – casa com piscina! -, principalmente para famílias e grupos de amigos. Recomendo.

Safári no Kruger Park por conta própria de maneira econômica


Encontre outras ofertas de hospedagem em Nelspruit


» Como funciona a hospedagem dentro do Kruger Park?

Você também pode se hospedar dentro do Kruger Park, em um dos 17 rest camps disponíveis no parque. Esses acampamentos parecem verdadeiras cidades e oferecem várias opções de hospedagem, restaurantes, lojinhas, posto de gasolina e até lavanderia.

Safári no Kruger Park por conta própria de maneira econômica

Safári no Kruger Park por conta própria de maneira econômica

Você pode escolher se hospedar em bangalôs com cozinha e banheiros privados ou ficar em tendas de safári. Para fazer sua reserva em um dos acampamentos você deve acessar o website do Kruger, escolher a opção de hospedagem e o camping de sua preferência e pagar as diárias de hospedagem e as taxas do parque usando o seu cartão de crédito.

É bom saber também que as vagas para os melhores camping sites dentro do Kruger se esgotam com meses de antecedência. Fique ligado! Os acampamentos no sul são mais cheios e os do norte mais selvagens.

» Os melhores lodges perto do Kruger

Agora, se você quer ter a experiência única de se hospedar em um dos luxuosos lodges nas reservas privadas que formam a região Greater Kruger, vai fundo! Os brasileiros amam os lodges Kapama, Sabi Sands e Thornybush. Mas se você procurar bem, vai encontrar ótimas opções de lodges mesmo pra quem não está com a conta tão recheada assim.

Nós tivemos uma experiência única e super exclusiva no Makumu Private Game Lodge, na reserva Klaserie, bem pertinho de Hoedspruit e super recomendamos. Foi um sonho realizado. Quanto vale isso, certo?

Safári no Kruger Park por conta própria de maneira econômica

O que fazer no Kruger Park: Self drive, morning walk e night drive?

A principal atração no Kruger Park é poder fazer um safári dirigindo seu próprio carro, o famoso self drive safári. As estradas dentro do parque são ótimas e com certeza você vai ver muitos animais pelo caminho.

Safári no Kruger Park por conta própria de maneira econômica

Além do self drive você ainda pode fazer um game drive guiado em veículos especiais durante o nascer, durante o pôr do sol e à noite são além de uma caminhada pela savana. Já pensou que aventura?

» Como funciona o self drive no Kruger Park

Como já tínhamos experimentado os game drives guiados durante nossa estadia no Makumu Private Game Lodge, na reserva Klaserie, eu estava louca para fazer um self drive. Afinal de contas, não é todo dia que a gente pode fazer um safári no Kruger por conta própria, né?

A experiência foi maravilhosa, vimos muitos animais no curto caminho entre o Orpen Gate e Satara e depois de volta ao Orpen Gate. Mas como fizemos apenas um dia de self drive ficou aquele gostinho de quero mais.

Safári no Kruger Park por conta própria de maneira econômica

Dicas para um self drive safári no Kruger Park

O ideal é planejar seu trajeto de acordo com os portões de entradas do Kruger e acampamentos. Lembre-se que o parque é enorme e a velocidade máxima é 50km/h, então fica impossível cobrir grandes distâncias em pouco tempo.

Você pode começar sua jornada no Kruger no portão Malelane, na parte sul do parque, perto de Nelspruit e dirigir até o Paul Kruger Gate, perto da cidade de Hazyview. O trajeto tem 88km e demora cerca de 3h30 para ser feito. No fim do dia você já vai estar perto de Hazyview e pode se hospedar lá. Não é uma boa? Desse jeito dá para visitar várias áreas diferentes no parque em uma mesma visita.

Veja a tabela completa com as distâncias e tempos de deslocamento entre os portões e camps do Kruger Park.

Fique de olho também nos Sightings Board, esses quadros onde os viajantes marcam seus avistamentos. Assim você sabe se terá chance de ver um elefante ou um leão no seu caminho. Aliás, essa é uma boa maneira de escolher o seu caminho para fazer um safári no Kruger com sucesso!

Safári no Kruger Park por conta própria de maneira econômica

» Game drives guiados em veículos especiais

Além do self drive você também pode contratar um tour guiado, tanto dentro do parque (caso esteja hospedado lá) quanto nas cidades próximas a ele.

As opções são bem parecidas em ambos os casos e você pode optar por um Sunrise Drive, durante o nascer do sol, um Sunset Drive, durante o pôr do sol e até um Night Drive em um ônibus de safári, no caso de estar hospedado dentro do parque. Os game drives duram cerca de 3 horas e custam R300 (menos de R$100) por pessoa.

Saiba mais sobre todas as atividades oferecidas no Kruger Park.

Safári no Kruger Park: lidando com expectativas

Apesar do Kruger Park abrigar uma infinidade de animais de todos os tipos, safáris são experiência imprevisíveis e a gente nunca sabe o que vai encontrar, nem mesmo se vai encontrar alguma coisa. Portanto, abra seu coração e deixe o Kruger te mostrar as suas belezas!

Safári no Kruger Park por conta própria de maneira econômica

Para ter mais chances de avistamentos, procure fazer o game drive bem cedo, ou no fim da tarde, quando os animais estão mais ativos. No meio do dia as chances de ver os bichos aumenta se você procurar fontes de água pelo parque.

Respeite os limites de velocidade do Kruger e fique atento às grandes concentrações de carros, elas geralmente significam que tem algum animal por perto.

Faça uma viagem tranquila: não se esqueça do seguro viagem

Assim que cheguei na África do Sul tive uma crise forte de sinusite que quase me derrubou. É por essas e outras que é essencial contratar um seguro viagem antes de embarcar para a África do Sul. Essencial!

Faça uma cotação grátis para comparar planos variados, de várias seguradoras de uma vez só. Encontre o melhor seguro para a sua viagem!

Me recuperei bem nos dias seguintes, mas vai que, né?!

10 dias na África do Sul de carro

Quer saber mais sobre a nossa viagem pela África do Sul?! Dá uma olhada no roteiro completo de 10 dias na África do Sul de carro.

Safári no Kruger Park por conta própria de maneira econômica

Leia mais sobre a África do Sul

Gostou das dicas?

Use nossos links de afiliados para contratar seguro viagem, reservar hotel e alugar um carro. Assim você ajuda o Tô Pensando em Viajar a se manter e não paga nada mais por isso!


Salve essas dicas no Pinterest

Confira dicas para fazer um safári no Kruger Park, na África do Sul por conta própria, com economia, segurança e muitos avistamentos. Saiba quando ir, onde ficar e qual é a melhor região do Kruger para ver os animais.


Você pode seguir o TÔ PENSANDO EM VIAJAR nas redes sociais

FACEBOOK, INSTAGRAM, e TWITTER


Compartilhar
Alessandra Fratus
Viajante, fotógrafa e bióloga. Largou tudo e ganhou tudo ao mudar de rumo em 2012 depois de defender um doutorado em biologia molecular na USP. Desde então vive, viaja e trabalha com foto e vídeo, sua verdadeira vocação. Ama viajar fora do esquema turistão e gosta mesmo é de paisagem humana!

2 COMENTÁRIOS

Deixe seu comentário

Deixe seu comentário!
Digite seu nome