Estive em Bangkok, na Tailândia, pela primeira vez em abril de 2015 e aprendi muitas coisas interessantes! Como diria uma antiga professora minha, idiossincrasias tailandesas são muito, muito peculiares. Quer apostar?!

5 coisas que aprendi em Bangkok, na Tailândia

5 Coisas Que Aprendi em Bangkok

1Comida, Comida, Comida!!

In Thailand, it’s all about food!

A comida é um aspecto muito importante na cultura tailandesa – sorte a nossa, né?! -. Tailandeses comem o tempo todo. Em casa, na rua, na chuva, na fazenda, em todo lugar!

Estão sempre ‘beliscando alguma coisa’…

5 coisas que aprendi em Bangkok, na Tailândia

Mas esqueça os salgadinhos, o negócio deles é real food, comida de verdade!

5 coisas que aprendi em Bangkok, na Tailândia

5 coisas que aprendi em Bangkok, na Tailândia

É muito comum fazer refeições completas na rua, seja na calçada, ou nas imensas áreas de alimentação dos zil shopping centers. Nos mercados ‘secos’ – existe algum no sudeste asiático?! – ou flutuantes. O importante é ‘mandar ver’!

5 coisas que aprendi em Bangkok, na Tailândia


Quer aproveitar sua visita a Bangkok e aprender mais sobre a Tailândia fazendo uma aula sobre culinária tailandesa?!


2Como montar um Mieng Kham

Sei que falei pra você esquecer os snacks, mas lembre-se bem desse nome: mieng kham!

Esse lanchinho tailandês é vendido assim, numa sacolinha com 8 ingredientes: Uma folha local – que ‘abraça’ os outros -, cebola roxa, limão, gengibre, amendoim, coco ralado, camarão seco e molho agridoce.

5 coisas que aprendi em Bangkok, na Tailândia

Depois é só aprender a ‘enrolar’, e pronto! Delícia, delícia, delícia!

5 coisas que aprendi em Bangkok, na Tailândia

3Aniversário de 12 em 12 anos

É isso mesmo que você leu! Os tailandeses contam sua idade em ciclos lunares de 12 anos, representados por um animal, quaase como o zodíaco chinês.

O primeiro (12 anos) e o quinto ciclo (60 anos) são os mais importantes, e são muito comemorados, principalmente o quinto.

Estivemos em Bangkok em abril, mês de aniversário da princesa Maha Chakri Sirindhorn, que completou 60 anos. As comemorações começaram em janeiro e seguem até o final do ano. Todo mundo se veste de roxo pra homenagear a princesa. Em Bangkok era roxo pra todo lado! Incrível!

Roxo é a cor das pessoas nascidas no sábado, e a princesa é uma delas!!

O amor era tanto, que um dia antes do aniversário (2.4), as ruas estavam lotadas com vendedores ambulantes vendendo ‘uniformes’ roxos!

5 coisas que aprendi em Bangkok, na Tailândia

Os tailandeses – principalmente os mais velhos – amam a família real, e expressam este amor publicamente sempre que tem chance. É muito comum ter zil fotos do rei na parede de casa…

5 coisas que aprendi em Bangkok, na Tailândia

4Confie no seu amuleto

Os tailandeses também acreditam que carregar consigo um amuleto, ou talismã, ajuda a trazer sorte, dinheiro, amor, e proteção.

Antigamente os amuletos eram feitos por monges budistas e só eram encontrados nos monastérios budistas. Hoje em dia, estão por toda Bangkok.

Bem próximo ao Palácio Real – a pior experiência da minha viagem – você pode encontrar o Mercado de Amuletos, com centenas, milhares de pequenos amuletos mágicos – ?! – que podem ser figuras de Buddhas, monges, e bebês bicéfalos.

Por via das dúvidas, comprei o meu!


Leia mais sobre nosso roteiro de 23 dias no sudeste asiático, que incluiu Tailândia, Camboja, e Myanmar.


5To Give, to forgive, to forget

Ou em bom português: doar, perdoar e esquecer.

A maioria da população tailandesa é budista, e eu realmente acho que o budismo é uma religião incrível por ser tão presente no dia a dia das pessoas. Nui, nossa professora tailandesa nos explicou que o budismo prega essas 3 ações. As duas primeiras mais fáceis, e a terceira a mais difícil delas. Temos muito o que aprender com a filosofia oriental.

Era a tardinha quando passamos por eles. Estavam sentados à beira do canal, um dos muitos em Thonburi, a região chamada de old Bangkok, ou Bangkok antiga. Estavam sentados à beira do canal alimentando as carpas com um tipo de ração multicolorida.

5 coisas que aprendi em Bangkok, na Tailândia

Perguntei para Nui – nossa guia – porque estavam fazendo isso, já que não as comem, e ela me respondeu: Eles estão fazendo uma boa ação alimentando os peixes.

5 coisas que aprendi em Bangkok, na Tailândia

Fiquei muito emocionada com tudo o que aprendi na minha rápida passagem por Bangkok, e quer saber?! Se aventure pelas partes antigas da cidade. Você com certeza será recompensado!


Encontre ofertas de hospedagem em Bangkok!


Não se esqueça do seguro viagem

Para viajar tranquilo para o Sudeste Asiático é essencial contratar um seguro viagem. Essencial.

Faça uma cotação grátis e compare planos diferentes de seguradoras diferentes em uma só plataforma, simples e fácil de usar, com garantia do melhor preço, atendimento em português e com pagamento em até 6 vezes sem juros.

Leia mais dobre Bangkok e sobre o Sudeste Asiático


Salve este post no Pinterest

5 coisas que aprendi em Bangkok, na Tailândia

Gostou do post?! Use nossos links para encontrar ofertas de hospedagem, comprar seguro viagem e alugar um carro!


11 COMENTÁRIOS

  1. Ai que bacana esse post, eu achei Bangkok o lugar mais show que fui na Tailândia. A cidade tem uma essência única e você transmitiu muito disso no seu post.
    Sobre aa fotos só vou falar uma coisa, quero um workshop de fotografia hahahaha
    Bjooooos

    • Estou à disposição pro workshop, Matheus! Avisa quando vier a SP!!! ;)! Eu também adorei Bangkok, só fiquei meio de saco cheio dos programas turistões! Hehehe. Beijo.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Deixe seu comentário!
Digite seu nome