Percorrer a Rota das Grutas Peter Lund em Minas Gerais é viajar pelo fantástico mundo do centro da Terra. Ela faz parte do Circuito das Grutas, composto por centenas de grutas e você pode percorrê-la em dois ou três dias, ou fazer um (ou mais) bate-voltas a partir da capital mineira. Você nem imagina quantos mistérios e belezas vai encontrar.

Neste post eu vou te contar tudo o que você precisa saber para conhecer as principais atrações da Rota das Grutas Peter Lund e se encantar com as belezas profundas de Minas Gerais. Vamos começar?

Rota das Grutas Peter Lund: Gruta do Maquiné em Cordisburgo (MG)


Encontre promoções de passagem aérea para Belo Horizonte


Leia o post inteiro ou navegue por tópicos

A Rota das Grutas Peter Lund

A Rota das Grutas Peter Lund é um roteiro turístico pelos locais por onde passou Peter Lund, naturalista dinamarquês considerado o ‘pai da paleontologia brasileira‘.

As cidades de Belo Horizonte, Lagoa Santa, Pedro Leopoldo, Sete Lagoas e Cordisburgo fazem parte da Rota das Grutas Peter Lund, que é muito bem estruturada, com várias atrações, opções de hospedagem e alimentação para toda a faília.

Mapa da Rota das Grutas Peter Lund, em Minas Gerais

O passeio pela Rota das Grutas Peter Lund é uma alternativa para passeios mais ‘famosos‘ a partir de Belo Horizonte como Inhotim e Ouro Preto. Vale a pena conhecer!

» Como chegar e percorrer a Rota das Grutas Peter Lund

Nós voamos até o aeroporto de Confins, em Belo Horizonte e de lá alugamos um carro para percorrer a Rota das Grutas. Acho que essa é a opção mais fácil e prática para fazer esse roteiro.

Uma dica para economizar com aluguel de carro é usar um comparador online para pesquisar preços de dezenas de locadoras em uma só plataforma. Nós usamos e recomendamos o site da Rentcars, uma empresa brasileira, super confiável! Além de conseguir o melhor preço e economizar seu tempo, você pode parcelar em até 12 vezes no cartão de crédito.

FAÇA UMA COTAÇÃO GRÁTIS

» Quantos dias?

Recomendo reservar 2 ou 3 dias pra fazer esse roteiro com calma, sem pressa, aproveitando o tempo ao máximo. Porém, como eu já falei, é possível também dividir o roteiro e visitar uma gruta de cada vez.

» As principais atrações da Rota das Grutas Peter Lund

As principais atrações da Rota das Grutas Peter Lund, são:

  • Museu de Ciências Naturais da PUC Minas
  • Gruta da Lapinha, no Parque Estadual do Sumidouro
  • Museu Peter Lund
  • O túmulo de Peter Lund
  • Centro de Arqueologia Annette Laming Emperaire
  • Gruta de Rei do Mato
  • Gruta de Maquiné
  • Museu da Gruta do Maquiné
  • Museu Casa Guimarães Rosa

Segundo o site oficial da Rota das Grutas , o roteiro começa no Museu da PUC em Belo Horizonte e segue até Cordisburgo, a cidade mais distante da capital mineira. Mas você pode escolher a sua própria ordem que não vai fazer diferença. Nos, por exemplo, visitamos apenas as atrações em negrito na lista acima.

» Onde se hospedar na Rota das Grutas

Para conhecer as atrações da Rota das Grutas Peter Lund, você pode se hospedar em BH e fazer bate-voltas até as grutas, por exemplo. Cordisburgo, que é o ponto mais distante do início da rota, em Belo Horizonte, está a apenas 123 km da cidade.

A gente escolheu dividir a nossa hospedagem para poder te contar mais sobre os hotéis dessa região. Escolhemos o ótimo Promenade Veredas para passar a primeira noite em Sete Lagoas.Recentemente o hotel mudou de nome para San Diego Suítes Veredas Sete Lagoas (★ 9.2).

Quarto do hotel Promenade Veredas, em Sete Lagoas, MG

Outra boa opção de hospedagem em Sete Lagoas é o Tulip Inn Sete Lagoas (★ 8.9).

Na segunda noite do roteiro pela Rota das Grutas Peter Lund, nos hospedamos no Ramada Aeroporto Hotel Lagoa Santa (★ 8.8), perto da Gruta da Lapinha e do Aeroporto de Confins. Outras boas opções de hospedagem em Lagoa Santa, são: eSuites Spa Lagoa Santa (★ 8.7) e o Linx Confins (★ 9).

Quem foi Peter Lund?

Peter Wilhelm Lund, médico e naturalista dinamarquês desembarcou em terras brasileiras pela primeira vez em 1825 como muitos e muitos gringos, interessados em explorar as fantásticas fauna e flora do Novo Mundo e quem sabe descobrir a cura para tuberculose.

Depois de 4 anos fazendo pesquisas botânicas no Rio de Janeiro (de 1825 a 1829), Lund voltou para a Europa, onde ficou por outros 4 anos até que decidiu voltar, em 1833 e ficou aqui até sua morte em 1880..

Busto de Peter Lund, o pai da paleontologia brasileira, no Museu da Gruta do Maquiné

Durante o período que viveu no Brasil, Peter Lund explorou diversas grutas na região cárstica do Vale do Rio das Velhas. Assim que voltou para o Brasil, ele foi parar em Curvelo, onde, por coincidência do destino, encontrou outro dinamarquês, Peter Claussen, dono de uma fazenda na região. Foi ele quem levou Lund até a Gruta do Maquiné, a primeira caverna estudada por Peter Lund, localizada em Cordisburgo, cidade natal de Guimarães Rosa.

Lund mapeou muitas cavernas dessa região, descobrindo e catalogando fósseis humanos e de animais como tigre dente-de-sabre e a preguiça pré-histórica. Infelizmente, a maior parte deste acervo está na Dinamarca.

Réplica de fóssil encontrado por Peter Lund na Gruta do Maquiné

As grutas da Rota das Grutas Peter Lund

As grutas de Maquiné, Rei do Mato e Lapinha, as três grutas da Rota Peter Lund são bem diferentes entre si. Maquiné foi a primeira a ser explorada pelo dinamarquês e impressiona pelos seus imensos salões. A Gruta Rei do Mato é bem profunda e extensa, e o acesso a ela é feito através de passarelas e escadas. A Gruta da Lapinha foi eleita uma das 7 maravilhas da Estrada Real e possui corredores estreitos e galerias subterrâneas escavadas por antigos rios que passavam por ali.

A seguir vou descrever mais detalhes sobre as nossas experiências com as visitas guiadas em cada uma das grutas. A entrada em cada uma delas custa R$25 e só é aceito pagamento em dinheiro. Fica a dica, hein?!

» Gruta do Maquiné, em Cordisburgo

A primeira gruta que visitamos foi a impressionante Gruta do Maquiné e seus 7 salões imensos. Essa foi a gruta que mudou a vida de Peter Lund, e você logo entende porque. Ela é impressionante!

Rota das Grutas Peter Lund: Gruta do Maquiné em Cordisburgo, MG

É incrível pensar que a caverna foi formada pela ação das águas sobre a rocha calcária durante milhares, milhões de anos. As formas, texturas, o ambiente todo vai nos envolvendo de tal maneira, que você realmente se sente em outro mundo.

Rota das Grutas Peter Lund: Gruta do Maquiné em Cordisburgo, MG

Eu amo histórias de mundos subterrâneos. Esse roteiro me fez lembrar a história dos Gigantes do Death Valley, na Califórnia que já contei aqui. É tudo muito interessante e misterioso. Fico pensando no que Lund pensou, sentiu na época que a ‘descobriu’.

Rota das Grutas Peter Lund: Entrada da Gruta do Maquiné, em Cordisburgo, MG

Quem nos guiou pela Gruta do Maquiné foi Mario Lúcio, o gerente da gruta, que conseguiu nos transmitir todo o amor e dedicação que ele e sua equipe têm por esse pedação da pré-história brasileira. Aprendi muito e de cara me apaixonei por esse mundo subterrâneo ao mesmo tempo tão misterioso e maravilhoso!

Rota das Grutas Peter Lund: Equipe da Gruta do Maquiné, em Cordisburgo, MG

» Gruta Rei do Mato, em Sete Lagoas

Depois da passagem por Cordisburgo, voltamos para Sete Lagoas para visitar a Gruta Rei do Mato. O nome da gruta surgiu de uma lenda local sobre um eremita que habitava a região e era chamado de ‘Rei do Mato’.

Diferente da Gruta do Maquiné, você percorre um trilha até chegar na entrada da gruta. É uma trilha fácil e rápida, mas que pode ficar perigosa em dias de chuva forte.

Trilha para chegar na Gruta Rei do Mato, em Sete Lagoas, MG

Ao chegar na entrada da Gruta Rei do Mato, você não tem ideia do que vai encontrar lá dentro, e é impossível conter o UAU!

Interior da gruta Rei do Mato, em Sete Lagoas, MG

A Gruta Rei do Mato tem 998 metros de extensão, mas só 220 são abertos à visitação. A visita guiada é feita sobre uma passarela e a descida é boa, hein?!

Passarela na Gruta Rei do Mato, em Sete Lagoas, MG

Gruta Rei do Mato, em Sete Lagoas, MG

O grande destaque da visita é o Salão das Raridades, com formações rochosas raríssimas como as torres gêmeas, formadas ao mesmo tempo, uma raridade.

Interior da Gruta Rei do Mato, em Sete Lagoas, MG

Na volta, uma passadinha rápida pela grutinha, pra ver pinturas rupestres. Demais, né?!

Pintura Rupestre da Grutinha anexa à Gruta Rei do Mato, em Minas Gerais

O mais legal dessa gruta é que ela é considerada uma gruta viva pelos geólogos, isso porque ainda está em formação pela água e pelo calcário.

Rota das Grutas Peter Lund: gruta viva!

» Gruta da Lapinha, em Lagoa Santa

A Gruta da Lapinha possui 511 metros de extensão, foi eleita como uma das 7 maravilhas da Estrada Real e foi a última gruta da Rota da Grutas Peter Lund que visitamos.

Entrada da Gruta da Lapinha, parte da Rota das Grutas Peter Lund

Ela fica no Parque Estadual do Sumidouro. Diferente das outras duas grutas, pra visitar a Gruta da Lapinha você precisa de todo um equipamento de segurança.

Protegidos pelos capacetes e pela luz da lanterna, lá fomos nós explorar a Gruta da Lapinha!

Gruta da Lapinha, parte da Rota das Grutas Peter Lund

Achei a gruta maravilhosa! Uma das mais bonitas. Engraçado tentar comparar as 3 grutas, porque depois que você as conhece percebe o quanto são diferentes entre si e o quanto cada uma delas tem características próprias que a destacam.

Gruta da Lapinha, no Parque Estadual do Sumidouro

Se eu fosse você me preparava pra conhecer as 3 e se encantar por esse roteiro ao centro da Terra!

Outras atrações do Parque Estadual do Sumidouro

Se eu fosse você, reservaria um dia inteiro – ou mais – pra explorar o Parque Estadual do Sumidouro. Lá você pode visitar também o Museu Peter Lund, a Casa Fernão Dias, percorrer o Circuito Lapinha, fazer a Trilha da Travessia e do Sumidouro, e aproveitar os vários roteiros de escalada. Ufa!

Parque Estadual do Sumidouro

O horário de funcionamento é de terça a domingo, das 9h às 16:30h ( última saída para gruta às 16h). Crianças com menos de 6 anos não entram, hein?!

Saída da Gruta da Lapinha, no Parque Estadual do Sumidouro

A Rota das Grutas Peter Lund | No Mapa


Leia também: Como usar o Google MyMaps para organizar o seu roteiro de viagem


Roteiro de 2 a 3 dias na Rota das Grutas Peter Lund

» DIA 1: Confins – Sete Lagoas

Chegamos meio-dia no aeroporto de Confins, pegamos o carro alugado e dirigimos até Sete Lagoas. Aproveitamos o final do dia para conhecer mais a cidade e curtir a vista do Morro Santa Helena.

Rota das Grutas

Nos hospedamos no ótimo San Diego Suítes Veredas Sete Lagoas (★ 9.2), em Sete Lagoas. O hotel oferece quartos confortáveis e localização excelente.


Leia mais sobre a nossa experiência no San Diego Suítes Veredas


» DIA 2: Gruta do Maquiné + Museu da Casa Guimarães Rosa + Zoológico de Pedra + Gruta Rei do Mato

No dia seguinte acordamos cedinho e dirigimos até Cordisburgo, para visitar a Gruta do Maquiné, o Portal Grande Sertão Veredas, o Museu da Casa Guimarães Rosa e o Zoológico de Pedra.

Depois da visita à Gruta do Maquiné, fomos até o Portal Grande Sertão Veredas, uma homenagem ao clássico de Guimarães Rosa, ilustre filho da terra!

Rota das Grutas

Visitamos também o Museu Casa Guimarães Rosa, localizado na casa onde viveu Guimarães Rosa.

Rota das Grutas

Rota das Grutas

O museu é lindo e vale a visita. Você paga só R$2 pra entrar e esse valor ajuda a manter a estrutura. Emocionante ver de pertinho a antiga máquina de escrever usada por um dos grandes escritores brasileiros!

Rota das Grutas

Saindo dali, fomos direto ao Zoológico de Pedra, um zoológico com esculturas em pedra de animais pré-históricos, feitas pelo escultor Stamar Azevedo, mesmo criador da ‘Casa Elefante’, outra atração da cidade. Como não amar?!

Rota das Grutas

De tarde visitamos a impressionante Gruta Rei do Mato, em Sete Lagoas.

Rota das Grutas

Depois da visita, partimos para Lagoa Santa, nossa segunda base da viagem. Nos hospedamos no Ramada Aeroporto Hotel Lagoa Santa (★ 8.8), um hotel super conveniente, perto da Gruta da Lapinha e do aeroporto de Confins.


Leia mais sobre o Ramada Aeroporto Hotel Lagoa Santa


» DIA 3: Gruta da Lapinha, Parque Estadual do Sumidouro

No dia seguinte, visitamos a Gruta da Lapinha, no Parque Estadual do Sumidouro. Um espetáculo!

Rota das Grutas

Aproveite o resto do dia no Parque Estadual do Sumidouro ou visite o o Museu de Ciências Naturais da PUC Minas, em Belo Horizonte. Um programa alternativo é fazer o nosso Roteiro Cervejeiro em BH. Não é a toa que Minas Gerais é considerada a Bélgica brasileira, né?!

Dá pra fazer a Rota das Grutas Peter Lund em 2 dias?

Dá! Recomendo começar a sua jornada no primeiro dia bem cedinho, em Cordisburgo. Faça a programação que sugerimos no roteiro e visite a Gruta Rei do Mato na parte da tarde. No segundo dia, faça a visita à Gruta da Lapinha, em Lagoa Santa.

E aí, gostou? Tem alguma outras sugestão para fazer esse roteiro pela Rota das Grutas Peter Lund?

Leia mais dicas de Minas Gerais


Salve essas dicas no Pinterest para não esquecerConheça a Rota das Grutas Peter Lund, uma fantástica viagem ao centro da Terra, perto da cidade de Belo Horizonte, capital de Minas Gerais.


O Tô Pensando em Viajar contou com a parceria da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável de Minas Gerais para percorrer a Rota das Grutas Peter Lund.


29 COMENTÁRIOS

  1. Alessandra, parabéns pelo blog, excelente, belas fotos, queria passar para você um pouco da historia, pois quando Peter Lund, chegou ao Brasil e foi parar em Curvelo, o Peter Claussen o levou até a Lapa do Mosquito no municipio de Curvelo, de onde ele retirou vários fósseis e levando para a Dinamarca, e o seu amigo Peter Brandt fez os desenhos encomendados por ele.

  2. Nunca havia ouvido falar, acredita? Fiquei fascinada pela sua foto do insta e ao ler o post fiquei ainda mais com todas essas fotos perfeitas! Eu não fazia ideia sobre esse parque e essas grutas em MG, adorei o museu Guimarães Rosa, achei tudo muito interessante, quando as crianças tiverem idade quero ir visitar todo esse roteiro. Obrigada mesmo pelas dicas!!

  3. Não fazia ideia deste percurso em Minas. Já estive algumas vezes no Brasil e ainda tenho tanta coisa para ver…

  4. Nossa, essas grutas são impressionantes! E adorei as dicas de roteiro de road trip – que estou louca pra fazer! – e do museu do Guimarães Rosa. Agora preciso conhecer Cordisburgo!

  5. Alessandra,
    O melhor de desbravar blogs de viagem é descobrir novas possibilidades de roteiro, muitas vezes pertinho de você. E foi exatamente isso que esse post fez comigo, agora estou aqui eu louca para visitar essas cavernas.
    Parabéns pelo post!

DEIXE UM COMENTÁRIO

Deixe seu comentário!
Digite seu nome