Inhotim na prática

1

Sabe amor à primeira vista?!

Foi assim que me senti logo que cheguei ao Inhotim, em Brumadinho, nas Minas Gerais, um dos mais incríveis e maiores museus a céu aberto do mundo.

inhotim-galeria

Museu?

Tá bem, tá bem, sei que museu a céu aberto é pouco, mas é que fica tão difícil definir o que é o Inhotim, que talvez a provocação comece ai.

Afinal de contas, além de um importante complexo de galerias de arte contemporânea – conta um dos mais incríveis acervos do Brasil -, o Inhotim é também uma reserva ecológica com mais de 140 hectares de extensão, um grande jardim botânico com milhares de espécies de plantas nativas e exóticas, e jardins incríveis criados por Burle Marx.

inhotim-jardim-colorido


Quer saber mais sobre BURLE MARX?!


As Galerias do Inhotim

Isso sem citar o incrível mimetismo entre a arquitetura das galerias e a natureza abundante, que as envolve.

inhotim-galeria-rouge

Ao encarar a própria galeria você já é levado a experimentar diferentes sensações e sentimentos provocados pela arte. Altamente inspirador!

Que delícia!

inhotim-lygia-pape

Inhotim na prática

Uma das principais histórias do Inhotim, é a história por trás do seu nome.

Dizem que o lugar onde fica o Inhotim hoje, costumava ser uma fazenda, e o dono dessa fazenda era um inglês chamado Tim, que no bom e velho português da época virou Nhô Tim. Inhotim, nos anos 80, quando foi criado pelo empresário Bernardo Paz.

inhotim-entrada-fazenda

Quando ir

O Inhotim abre de terça a sexta-feira, das 9h30 às 16h30, e sábados, domingos e feriados das 9h30 às 17h30. Os finais de semana são mais lotados, assim como as quartas-feiras, dia em que a entrada é livre.

Quanto tempo

2 dias pra mim foi o tempo perfeito.

No primeiro dia usamos o transporte interno para conhecer os pavilhões e obras mais distantes, como o Som da Terra.

inhotim-o-som-da-terra-alto

No segundo dia visitamos à pé os pavilhões e obras que ainda não havíamos conhecido no dia anterior.  Achei fundamental andar pelo Inhotim, e sentir mais de perto a energia dos jardins.


ROTEIRO: 2 DIAS EM INHOTIM


Como Chegar

De carro

O Inhotim fica em Brumadinho, a 60 km de Belo Horizonte, mais ou menos 1 hora de viagem. A estrada é super bem sinalizada, e o maior problema que tivemos foi um pequeno engarrafamento na volta para Belo Horizonte.

O estacionamento no Inhotim é gratuito.

De ônibus

A empresa Saritur oferece uma linha direta entre Belo Horizonte e Inhotim, com saídas diárias para Inhotim às 8h15 e volta para BH às 16h30 (de terça a sexta) e 17h30 (sábados, domingos e feriados). A viagem custa R$27 e você pode reservar pelo telefone 0800-039-8846 ou pelo site deles.

O ônibus sai da Estação Rodoviária de Belo Horizonte e desembarca no estacionamento do Inhotim.

inhotim-matthew-barney-closeup

Quanto custa

Terça e quinta-feira: R$ 25,00
Quarta-feira (exceto feriado): entrada gratuita
Sexta, sábado, domingo e feriado: R$ 40,00

Não abre segunda-feira.

Como circular pelo Inhotim

A entrada te dá ‘livre’ acesso a todos os pavilhões abertos, obras e jardins. Você pode percorrer todos os caminhos à pé, ou usar o transporte interno, que é cobrado à parte, e custa R$25 por pessoa, por dia, com utilização ilimitada. Menores de 5 anos não pagam.

Ou seja, você pode embarcar e desembarcar quantas vezes quiser nos pontos em cada uma das rotas pré determinadas.

Você também pode contratar o serviço de transporte privado. A diária de aluguel de um carrinho privado para até 5 pessoas, com motorista é de R$480, ou R$160 a hora. Alugando um carrinho privado você consegue aproveitar ao máximo o seu tempo no Inhotim, e pode fazer a rota que você quiser, como e quando quiser.

Acesse o site Inhotim pra mais detalhes.

Onde Comer no Inhotim

Restaurante Tamboril

No primeiro dia almoçamos no Restaurante Tamboril, que oferece um sistema de buffet livre, com sobremesas por R$70 (nos finais de semana). A comida é gostosa, opções de pratos tipicamente mineiros, e outros nem tanto, mas achei o preço meio salgadinho.

inhotim-restaurante-tamboril-exterior

inhotim-restaurante-tamboril-interior

Restaurante Oiticica

No segundo dia experimentamos a comida do Restaurante Oiticica, que opera em um sistema de refeições com prato fixo por pessoa, com opção de carne, frango e e vegetariana. O prato custa R$22, e a comida é ok.

inhotim-restaurante-oiticica-interior

inhotim-restaurante-oiticica-exterior

Onde Se Hospedar

Escolhemos nos hospedar em Casa Branca/strong>, uma pequena e encantadora cidade a 40km do Inhotim. A ideia era curtir um pouco as paisagens dessa linda região. Escolhemos nos hospedar na Tiô Isolda Artes & Hospedaria. Super recomendo!

tio-hospedaria-casa-branca-quarto-03


+ Opções de Hospedagem em Brumadinho

+ Opções de Hospedagem em Belo Horizonte


Inhotim Imperdível!

A palavra que marcou os meus 2 dias no Inhotim foi: encantamento.

A experiência de visitar um lugar como o Inhotim é única,  desperta em cada um uma sensação diferente. É incrível com a junção natureza e arte contemporânea funciona como um catalisador para inspiração. Sem dúvida nenhuma é um dos lugares mais especiais que já visitei. Se você ainda não conhece, não perde tempo e trate logo de conhecer.

inhotim-paixao-primeira-vista


Quer saber mais?! Acesse o Roteiro: 2 DIAS EM INHOTIM


Salve essas dicas no Pinterest!

Inhotim na prática

Inhotim na Prática

Leia Mais Sobre o Inhotim:

Outras Referências Online Sobre O Inhotim

Viaje na Viagem | Inhotim, o melhor passeio que você ainda não fez

Viagens da Mochilinha Gaúcha | Inhotim: Num Novo e Delicioso Encontro

Coisos On The Go | Inhotim: o museu que combina arte e natureza a 1 hora de BH

Viaggiando | Inhotim

Inhotim
Endereço: Rua B, 20 – Brumadinho
Telefone: 31 3571-9700 / 3571-6638 / 3223-8224
Site: http://www.inhotim.org.br


Você pode seguir o TÔ PENSANDO EM VIAJAR nas redes sociais

FACEBOOK, INSTAGRAM, e TWITTER


Compartilhar
Alessandra Fratus
Viajante, fotógrafa, e bióloga. Largou tudo e ganhou tudo ao mudar de rumo em 2012 depois de defender um doutorado em biologia molecular na USP. Desde então vive, viaja e trabalha com foto e vídeo, sua verdadeira vocação. Ama viajar fora do esquema turistão e gosta mesmo é de paisagem humana!

1 COMENTÁRIO

Deixe seu comentário

Deixe seu comentário!
Digite seu nome