Manual de Sobrevivência para o Salar do Uyuni

2

Neste artigo vamos te dar todas as dicas do que levar para encarar uma viagem para o Salar do Uyuni, na Bolívia. Você pode considerá-lo um manual de sobrevivência, com dicas para encarar os 4 dias de tour pelo Salar.

viagem para o Salar do Uyuni

O Salar do Uyuni está localizado a sul do Altiplano Andino, uma das regiões mais áridas do mundo. Por se tratar de um deserto, já podemos esperar grandes variações térmicas, ainda mais se tratando de altitudes sempre superiores a 3.800m. Considere enfrentar temperaturas baixíssimas! Mas não se assuste! É frio sim, e faz frio de rachar o ano inteiro, mas não tem segredo, é só saber se vestir corretamente, seguindo as dicas abaixo.

Viagem para o Salar do Uyuni: O que levar?!

Roupas: O que vestir?

Uma das coisas mais importante é se vestir em camadas, prá manter o corpo aquecido.

viagem para o Salar do Uyuni

A primeira camada é a responsável pelo isolamento térmico, e pode ser uma segunda pele bem colada ao corpo. A segunda é a camada de aquecimento, e um casaco de fleece é indicado. A terceira é a camada de proteção da chuva e vento, que pode ser uma jaqueta impermeável. É importante lembrar que existem várias marcas disponíveis no mercado, e que você não precisa, necessariamente de roupas e acessórios muito tecnológicos.

Aqui vai uma listinha do que levar para os 4 dias de tour no Salar do Uyuni:

  • Meia calça de lã (ou segunda pele)
  • Calça grossa (pode ser jeans mesmo)
  • Camiseta de manga comprida de algodão (leve várias, será a única peça, além, da calcinha, que você irá trocar)
  • Casaco de fleece grosso ou moletom
  • Jaqueta bem quente, de preferência impermeável por fora e forrada por dentro (lã, fleece);
  • Cachecol não apenas para o frio mas principalmente para o vento! Em muitos momentos você precisará enrolá-lo em volta da sua boca e nariz. Principalmente se você fizer a caminhada ao mirante da Laguna Colorada.
  • Gorro eluva. O mais importante é o cachecol, para enrolar no rosto, por causa do vento.
  • Bota de caminhada

Vista as roupas, e a medida que o dia vai esquentando, vá tirando as camadas de cima, como uma cebola!

Não se preocupe em levar muita coisa. Como a região é extremamente seca e você, muito provavelmente, nem vai suar, ou se sujar. Você só precisará trocar a camiseta de baixo (a que está em contato com seu corpo), os casacos podem ser os mesmos todos os dias!Leve o mínimo necessário.

E saco de dormir, é necessário?

Se você tiver saco de dormir, ótimo! Leve-o. Não só pelo Salar do Uyuni, mas também pelos deslocamentos à noite, em ônibus, que podem ser extremamente frios e totalmente desagradáveis (experiência própria, não queiram passar por ela).

Mas voltando ao Salar, leve seu saco de dormir, coloque-o sobre a cama nos abrigos e fim de papo! Eu não recomendaria que se alugasse sacos de dormir. Em geral eles não devem ser higienizados constantemente, mas, fica a seu critério.

Agora, se você não puder ou não quiser levar saco de dormir, faça como eu: Leve um par de lençóis (o de baixo com elástico, isso é muito importante) e forre a cama, por cima do que já está lá. Nos alojamentos tem muuuuuitos cobertores disponíveis, mas posso te garantir que eles nunca viram uma máquina de lavar roupas! Por isso, coloque os seus próprios lençóis limpos por cima dos lençóis que já estavão na cama e use os cobertores por cima, tomando cuidado para nenhum deles encostar no meu corpo!!

Dicas Práticas de Higiene

A primeira dica é: leve papel higiênico! Os alojamentos que dormimos, são extremamente básicos, e não tem papel higiênico. Na verdade, mal dá para usar o banheiro (no alojamento da Laguna Colorada, isso é uma realidade).

Outra coisa: Esqueça o banho! No alojamento da Laguna Colorada só tem água gelada! Em Chuvica dá pra tomar banho tranquilamente, se o pessoal que dividir o quarto com você colaborar. Eles estipulam cerca de 30 minutos por quarto (com 5 ou 6 pessoas), então, banho de gato! Mas dá até para lavar o cabelo (shampoo 2 em 1). Aproveitem para tirar a poeira!

Diante dessas condições, recomendo que levem lenços umedecidos, quebra um galhão nessas horas!

Ahh, meninas, no alojamento da Laguna Colorada vistam as botas para tentar usar o banheiro! Eu não tive coragem, afinal, a descarga mandava a água para fora do vaso sanitário, e com -10ºC lá fora, um pipizinho na moita não rola. Então… melhor improvisar: Guardem uma garrafa pet de 2 litros e cortem a boca. Improvisem!

Alimentação e Hidratação

Item número 1 de preocupação: água. Leve muita água! Você estará num deserto, e apesar do frio, e da falta de sede, tem que se hidratar mesmo! A pior coisa seria você ter uma desidratação ou diarreia ali, sem nenhum posto de saúde por perto. Então, se cuide! Leve um galão de 5 litros de água com você, e beba água mesmo sem sentir sede! Isso é muito importante, porque não tem onde comprar água por lá!

Refeições

As refeições durante o passeio até o Salar do Uyuni são bem básicas e tipicamente bolivianas. Prepare-se para tomar muita sopa de legumes (lotada de coentro), e ironicamente sem sal! Pois a nossa pressão já sobre naturalmente na altitude, e não dá nem pra pensar em salgar os alimentos. Ovos cozidos, macarrão, purê, salsicha.

Agora, rapazes, quem come muito, prepare um belo estoque de barrinhas de cereais e chocolate!! A comida é relativamente pouca, para ogros!!

Itens extras

Outras dicas, não menos importantes, são:

Não esqueça o protetor solar e protetor labial (manteiga de cacau ou semelhante)! O sol e o vento a 4.000m de altitude acabam com seus lábios e queimam terrivelmente sua pele. Vi muita gente com verdadeiras feridas na boca e bochechas roxas de tanto sol. Não abusem, isso é sério!

Óculos de sol: Artigo de 1ª necessidade!! A brancura do Salar exige sim proteção!

Hidratante, nem se fale! Meninas, abusem do “pele extra seca” pra não parecerem cobras escamosas!

E não se esqueça! 

Usando nossos links pra encontrar ofertas de hospedagem, comprar seguro viagem e alugar um carro você ajuda o Tô Pensando em Viajar e se manter e não paga nada mais por isso!

Leia mais sobre a Bolívia:


Você pode seguir o TÔ PENSANDO EM VIAJAR nas redes sociais

FACEBOOK, INSTAGRAM, e TWITTER


Compartilhar
Gabriella Fontaneta
Gabriella é nascida no litoral paulista, tem 28 anos e é geóloga. Gosta de paisagens pitorescas e também de vivenciar a cultura de povos diferentes.

2 COMENTÁRIOS

  1. Oi Malena, tudo bem?
    Sim, na aduana boliviana você tem que pagar uma taxa para a entrada no país e também o ingresso para entrada na reserva onde está as Lagunas Verde, Blanca e Colorada. Essas taxas eu paguei em boliviano, mas acredito que não seja difícil pagar em dólar por exemplo. Mas em San Pedro você consegue sim trocar pesos chilenos por bolivianos com facilidade!

  2. Olá, Gabi!

    Estou indo pra lá no final do ano! Em todos os sites diz que é necessário levar pesos bolivianos para pagar a entrada ao parque e outras coisinhas. Você sabe se em San Pedro de Atacama dá pra achar Pesos Bolivianos? Porque aqui em SP é impossível quase!

    Obrigada!

Deixe seu comentário

Deixe seu comentário!
Digite seu nome