De Carro pelo Marrocos: De Fès a Merzouga, no Saara

0

Acordamos cedo pra começar a etapa mais ‘longa’ da viagem de 10 dias de carro pelo Marrocos, ainda sob o trauma do Rif. O caminho até o deserto do Saara seria longo. Quase 500 km,  entre Fès e Merzouga, através da N13 (sentido Sul) e muitas atrações nos esperavam pelo caminho.


Conheça o Roteiro Completo da Nossa Viagem de 10 Dias de Carro Pelo Marrocos


A viagem de Fès a Merzouga, no Deserto do Saara

É uma viagem que dura o dia todo, e há quem ache pesadinha, mas são tantas as atrações pelo caminho, que você acaba se distraindo. Passamos por Ifrane, Azrou, Midelt, seguindo pelo vale do rio Ziz até Errachida, Erfoud, Rissani, e finalmente Merzouga, nosso destino para os próximos 2 dias, no sopé das imensas dunas de Erg Chebbi, quase fronteira com a Argélia.

Fès a Merzoug

Viaje [email protected]! Não esqueça do seguro viagem

Se você tá pensando em viajar para o Marrocos, é essencial que você contrate um seguro viagem. É a sua garantia em caso de algum acidente ou emergência. E digo mais, depois de uma experiência recente de cancelamento de viagem de última hora, a gente sempre contrata o seguro viagem assim que compramos as passagens, já que alguns seguros oferecem reembolso de reservas de hotéis e passagens aéreas em caso de impossibilidade de viajar.

Nossa dica é usar o site da Segurospromo, para comparar planos variados, de vários seguradoras em uma só plataforma simples e fácil de usar, com pagamento no cartão de crédito em até 12 vezes ou com desconto no boleto! Aproveite a oportunidade e compre seguro viagem com 5% de desconto usando o código TOPENSANDO05 durante sua compra no compra no site!

Viajar de Carro Pelo Marrocos é perigoso?

Não! Saiba todos as dicas pra viajar de carro pelo Marrocos de maneira independente no post ‘Viagem para o Marrocos: tudo o que você precisa saber

Blog de viagem

Aluguel de carro no Marrocos

Quer encontrar o melhor preço pra alugar um carro e começar amanhã mesmo sua sonhada viagem de carro pelo Marrocos?! Alugando um carro através da Rentcars.com você encontra o melhor preço de aluguel de carro pesquisando diversas locadoras de uma vez só, não paga iof, e pode parcelar em até 12 vezes sem juros.

Ifrane, um pedaço da Suíça no Marrocos

O dia ainda estava nascendo, congelante, quando deixamos Fès à caminho de Ifrane, uma ‘cidade suíça’ em pleno Marrocos, com lagos, termas e casas com telhados europeus. Como o tempo não ajudou, seguimos em frente.

Fès a Merzoug


Encontre Ofertas de Hospedagem em Ifrane, no Marrocos.


Azrou, e a Floresta do Cedro Gouraud

De lá, subimos até Azrou, a primeira cidade do Médio Atlas sob uma neblina chata e ‘infinita’, e um frio de congelar a alma.

Fès a Merzoug

Atravessamos a floresta do Cedro Gouraud…

Fès a Merzoug

Cedro este, que acredita-se ser o mais antigo cedro do Atlas do mundo, com quase 900 anos de idade.

Fès a Merzoug

E pudemos visitar os vários macacos de Gibraltar, ou macacos da Barbaria, que passeiam livremente pela floresta, e são, em parte, responsáveis por uma das lendas do local.

Fès a Merzoug

Explico: Tem gente que acredita que os macacos mudavam constantemente a tabuleta de ‘cedro mais antigo do mundo’, e que portanto não dá pra saber se este é o cedro verdadeiro… Mesmo assim é um passeio muito divertido!

Fès a Merzoug


Encontre Ofertas de Hospedagem em Azrou, no Marrocos.


Cruzando o Médio Atlas

Depois da floresta a paisagem muda completamente. Passamos por pequenos vilarejos e seus pastores encapotados enfrentando o frio na montanha…

Fès a Merzouga

Fès a Merzouga

Fès a Merzouga

Até o ponto que finalmente conseguimos avistar o Alto Atlas.

Fès a Merzouga

E dai a paisagem muda novamente…

Fès a Merzouga

ALE_9943

Almoço em Midelt

A parada para o almoço foi na metade do caminho, em Midelt, mais ou menos metade do caminho até Merzouga. Comemos no Restaurant Le Pin (localizado em um ‘complexo turístico’ na avenida Moulay Abdallah), e foi uma das melhores refeições da viagem.


Encontre Ofertas de Hospedagem em Azrou, no Marrocos.


Túnel dos Legionários

Após Midelt, passamos pelo túnel dos Legionários.

Fès a Merzouga

Fès a Merzouga

Acompanhando o rio Ziz e as paisagens cinematográficas que o cercam, com rios que cortam as montanhas.

Fès a Merzoug

Fès a Merzoug

Ainda passamos por Er-Rachidia, a maior cidade da região, que rendeu belas fotos, por sinal!

Fès a Merzoug

E continuamos nosso caminho até Erfoud, cidade famosa por suas tâmaras, Rissani, e finalmente, depois do pôr-do-sol, nosso destino dos próximos 2 dias, o hotel Kanz Erremal, em Merzouga, principal ponto de saída para os famosos passeios turísticos no deserto do Saara.

Onde ficar em Merzouga

O Kanz Erremal é ótimo, lindo, fomos recebidos pelo nosso guia Mohammed, com chá marroquino, ou melhor, ‘whisky berber’, e só de lembrar fico com água na boca. Decidimos que iríamos fazer um passeio pelas dunas com o 4×4 do hotel, e depois iríamos até Rissani, para o mercado. Afinal de contas, amanhã era quinta! :)!

No dia seguinte, acordei com uma mensagem do meu pai no celular, me agradecendo pela escolha do hotel. Como chegamos de noite, nem percebemos que estávamos com o pé na areia, DO DESERTO!

Fès a Merzoug

Existem também outras opções  de hospedagem, como o Luxury Camp Chebbi, o Riad Madu ou o Kasbah Azalay Merzouga. Escolha a que for melhor pra você! Usando o Booking.com você tem garantia do melhor preço com cancelamento gratuito na maioria dos quartos e um ótimo serviço de atendimento em português. Além disso, você pode escolher seu hotel com base em opiniões de clientes verdadeiros.


Encontre todas as ofertas de hospedagem em Merzouga, no Marrocos.


 

Gostou das dicas?

Usando nossos links pra reservar hotel, comprar seguro viagem e alugar um carro você ajuda o Tô Pensando em Viajar e se manter e não paga nada mais por isso!

Leia Mais Sobre a Viagem de Carro pelo Marrocos:


Você pode seguir o TÔ PENSANDO EM VIAJAR nas redes sociais

FACEBOOK, INSTAGRAM, e TWITTER


Salvar

Compartilhe!
Alessandra
ALESSANDRA é viajante, fotógrafa, e bióloga. Largou tudo e ganhou tudo ao mudar de rumo em 2012 depois de defender um doutorado em biologia molecular na USP. Desde então vive, viaja e trabalha com foto e vídeo, sua verdadeira vocação. Ama viajar fora do esquema turistão, e gosta mesmo é de paisagem humana!

Deixe seu comentário

Deixe seu comentário!
Digite seu nome