Fora de Foco | Foto 24

Florianópolis, SC, Brasil. Abril de 2017

A 24a foto da série Fora de Foco vai até as Dunas da Lagoa, em Florianópolis pra contar mais pra você sobre como pintar com a luz usando exposições longas. A foto foi feita durante  a #ExpedicaoFloripa, uma expedição fotográfica pela Ilha de Magia capitaneada pelo fotógrafo Zé Paiva, e o light painting foi um dos assuntos fotográficos abordados durante os exercícios práticos.

light painting

O que é Light Painting?!

Light painting é uma técnica fotográfica razoavelmente simples, que oferece resultados surpreendentes, permitindo a produção de fotografias que parecem pinturas de luz. Você pode usar uma fonte de luz, como uma lanterna por exemplo, para iluminar algumas áreas da sua imagem, como fizemos na foto, ou apontar essa fonte de luz diretamente para a câmera, criando formas ou palavras com os rastros de luz.

Do que eu preciso pra fazer Light Painting?!

Pra você criar suas pinturas de luz você vai precisar de:

  • Câmera com controle manual capaz de registrar exposições longas.
  • Uma fonte de luz – ou mais – , como lanternas, velas ou o que mais sua imaginação permitir.
  • Local escuro
  • Tripé ou apoio para a câmera
  • Disparador remoto ou timer na própria câmera

Tenho tudo, e agora?!

Prepare-se. Em um local escuro o suficiente, alinhe seu tripé e posicione a câmera. Faça o foco manualmente e enquadre a cena. Planeje a pintura que você vai fazer. Se você for ‘pintar pessoas’, é bom alertá-las que elas devem permanecer imóveis durante a pintura, a não ser que queiram parecer ‘fantasmas’.

  • Use valores baixos de ISO (de preferência 100, ou menos).
  • Escolha valores de abertura de diafragma intermediários. Uma boa profundidade de campo vai melhorar a nitidez da sua foto.
  • Escolha velocidades baixas. Use 30 segundos ou um pouco menos. A velocidade vai depender muito das condições do ambiente onde você está fotografando e da intensidade das fontes de luz usadas.
  • Regule o timer da sua câmera ou use um disparados remoto.

Quer saber os valores na prática?!

Essa foto foi feita com uma Canon 5d mkIII + Lente Canon EF 17-40mm, com ISO 100, f /5.6, e 30 segundos de exposição. O Zé iluminou cada um de nós individualmente com uma lanterna e fez esses ‘desenhos’ com um led vermelhos. O amarelo do fundo é apenas uma lembrança do Sol…

Bora fotografar?!


Continue Acompanhando a Série Fora de Foco!


Por que Fora de Foco?!

Fora de Foco é uma referência a autobiografia do fotógrafo Robert Capa,Ligeiramente Fora de Foco‘, muito conhecido por seu trabalho como fotógrafo de guerra e autor da frase ‘Se sua foto não está boa, é porque você não está perto o suficiente‘, uma grande influência no modo como fotografo.

Capa descrevia suas imagens de guerra como “ligeiramente fora de foco, e um pouco sub-expostas” e assim como a própria guerra, as imagens de um bom fotógrafo têm que ser capazes de transmitir sensações. Medo, angústia, tensão. É isso! A fotografia tem essa incrível capacidade de transmitir sensações e sentimentos através de uma única imagem.

É o que faz da fotografia uma das mais fantásticas formas de expressão artística. Você não acha?!


Você pode seguir o TÔ PENSANDO EM VIAJAR nas redes sociais

FACEBOOK, INSTAGRAM, e TWITTER


Compartilhe!
Alessandra

ALESSANDRA é viajante, fotógrafa, e bióloga. Largou tudo e ganhou tudo ao mudar de rumo em 2012 depois de defender um doutorado em biologia molecular na USP. Desde então vive, viaja e trabalha com foto e vídeo, sua verdadeira vocação. Ama viajar fora do esquema turistão, e gosta mesmo é de paisagem humana!

Leia também...

4 Comentários

  1. Carol Duque disse:

    Adorei! Vc arrasa na Fotografia Alê. Adorei essa série e já vou começar a ler as outras. Um beijo grande no coração.

  2. Essa é técnica é bem legal, o resultado da foto ficou ótimo. Adorei as poses hehehe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *