De Las Vegas ao Grand Canyon pela Rota 66

Se você tá pensando em fazer um bate-e-volta de Las Vegas ao Grand Canyon, esse texto só existe pra te convencer a não fazer isso. Primeiro porque o Grand Canyon West, a parte mais perto de Las Vegas não é a mais bonita. Se eu fosse você reservaria um dia a mais, ou mais pra ir até o South Rim, que fica a 450km de distância de Vegas, e aproveitaria com calma o caminho. Você pode conhecer o Lake Mead, a cidade fantasma de Chloride, e até percorrer um trechinho da Rota Histórica 66.

Por isso, take your time, and enjoy the ride!

De Las Vegas Ao Grand Canyon

Esse foi o primeiro trecho da nossa viagem pelo oeste americano. Saímos de Las Vegas cedinho, abastecidas com tudo o quê uma road trip pede – lembre-se que nos Estados Unidos você tem que levar sua cerveja em um pack fechado, no porta-malas do carro, hein?! -, prontas pra seguir até a cidade fantasma de Chloride, no Arizona.

De Las Vegas ao Grand Canyon

Roteiro Resumido:

Las Vegas | Lake Mead | Chloride | Kingman | Peach Springs | Seligman | Williams

Lake Mead National Recreation Area

Como a ideia era aproveitar os dias desde muito cedo, decidimos fazer uma parada no Visitor Center do Lake Mead NRA, na U.S. 93, pra comprar nosso America the Beautiful, o passe anual para os parque nacionais americanos.


Sabia que você pode economizar muito comprando o America the Beautiful, o passe dos parques nacionais americanos?!


Com o passe comprado, a gente não precisa enfrentar a fila gigante na entrada do Grand Canyon, e ainda aproveitamos pra conhecer um pouquinho do Lake Mead, uma área recreacional que ocupa uma área imensa, com mais de 1,5 milhões de acres.

Las Vegas ao Grand Canyon

Mirante do Black Canyon

Um pouco mais adiante, depois de cruzar a fronteira com o Arizona, paramos em um mirante com vista para o Black Canyon, e para uma estreita parte do Lago Mohave, com cara de rio.

Las Vegas ao Grand Canyon

É nessa região que estão localizadas as represas criadas pelo governo americano para controlar as cheias do Rio Colorado. Confesso pra você que não fizemos a mínima questão de conhecer a mais famosa delas, a Hoover Dam. Com tantas paisagens lindas, a represa feita pelo homem passou longe do roteiro. Mas você pode ler mais sobre ela no Ideias na Mala e no Colecionando Imãs.

Chloride, a Cidade Fantasma

Depois de mais alguns quilômetros rodados, e uma curva suave à direita na U.S. 93, chegamos a Chloride, uma pequena cidade que antigamente abrigava minas de prata, ouro, zinco e turquesa, por onde passava a linha do trem.

Las Vegas ao Grand Canyon

Las Vegas ao Grand Canyon

Cidades Fantasmas no Oeste Americano

Durante nossa viagem de 10 dias pela Califórnia em 2013 eu fiquei obcecada por cidades fantasmas, e não consegui fotografar nenhuma que valesse o esforço. Ainda cai na pegadinha da Calico Ghost Town e fiquei p da vida por ter que pagar pra entrar numa cidade fantasma totalmente fake.

Las Vegas ao Grand Canyon

Pelo menos dessa vez não tivemos que pagar nada, e apesar da cidade cenográfica – que rendeu algumas fotos -, vimos alguns prédios originais bem legais.

Las Vegas ao Grand Canyon

Las Vegas ao Grand Canyon

Você também vai conhecer a agência dos correios mais antiga do Arizona, ainda em funcionamento.

Las Vegas ao Grand Canyon

E aí, vale a pena visitar Chloride?

Eu acho que vale! Nos divertimos, tiramos fotos, e já começamos a entrar no clima do oeste e da Rota 66 Histórica, que nos esperava a partir de Kingman.

Las Vegas ao Grand Canyon

Las Vegas ao Grand Canyon

Kingman, Arizona

Nossa próxima parada foi Kingman, no Arizona, o coração da Rota 66 Histórica. Demos uma passada rápida no Centro de Visitantes, que é super legal, tem até um pequeno museu.

Las Vegas ao Grand Canyon

De lá já fomos direto conhecer a cervejaria Black Bridge

  • Black Bridge Brewery 

Las Vegas ao Grand Canyon

Não resisto a microcervejarias locais, e essa Red Evil IPA estava me chamando!

Las Vegas ao Grand Canyon

Importante lembrar que quem dirige não bebe, né?! ;).

  • Mr D’z

Pra comer, a escolha óbvia em Kingman é o Mr. D’z, que fica bem em frente ao Centro de Visitantes, mas quando chegamos estava lotado, e resolvemos ir atrás de uma opção mais ‘local‘.

Las Vegas ao Grand Canyon

Encontramos o delicioso e super barato Redneck BBQ. Comemos um sanduíche de porco incrível, com uma saladinha de repolho e refrigerante, por US$6!

Las Vegas ao Grand Canyon

Las Vegas ao Grand Canyon

Outra atração de Kingman, além da caixa d’água pintada, é a estátua ‘Running Hare‘, do escultor Donald Gialanella, feita com peças de de aço inoxidável recicladas. Ela foi concluída em 2015, e é a ‘novidade’!

Las Vegas ao Grand Canyon

Rota 66 Histórica

Seguindo viagem, mal podíamos acreditar que estávamos viajando pela lendária Rota 66.

Las Vegas ao Grand Canyon

A Rota 66, famosa ‘Main Street’ americana, se tornou ‘Histórica’ depois de ter sido substituída pela I40, e nessa região, a partir de Kingman, você pode percorrer o maior trecho ininterrupto da ‘verdadeira’ Rota 66. Não é incrível?!

Las Vegas ao Grand Canyon

As paisagens incríveis, o trem passando ao lado, e Bob Dylan tocando no rádio do carro tornaram muito especial esse trecho da nossa road trip pelo oeste americano.

Las Vegas ao Grand Canyon


Quer saber mais sobre a Rota 66, os Coisos on The Go contam tudo pra você!


Hackberry General Store

Parada obrigatória pra fotos! Você provavelmente vai encontrar grupos de motoqueiros aqui dando uma paradinha breve em sua viagem.

las-vegas-grand-canyon-feat

Las Vegas ao Grand Canyon

O interior da loja é igualmente interessante, e vale a visita.

Las Vegas ao Grand Canyon

Seligman

Seligman é outro ponto alto da viagem! É a cidade do Relâmpago McQueen, protagonista do filme Carros, da Pixar!

Las Vegas ao Grand Canyon

Dizem que a cidade serviu de inspiração para o filme, e você vai encontrar muitas referências disso por aqui.

Las Vegas ao Grand Canyon

O blog Trilhas e Cantos tem um post muito legal contando como é viajar com crianças para Seligman.

Las Vegas ao Grand Canyon

Las Vegas ao Grand Canyon

Williams

Nosso dia terminou em Williams, uma outra cidade encantadora, que serve como base para visitas ao South Rim do Grand Canyon. Pra você ter ideia, chegamos em Williams com o tempo bem ruim, e pegamos neve na rua! Siim, neve no Arizona, acredita?!

Gostei tanto de Williams que vou falar dela em um outro post, que vai ao ar em breve! Por enquanto, a Roberta do Territórios tem um post muito legal sobre a cidade, e conta mais pra você!

Viajar de Carro Pelos Estados Unidos

Quer encontrar o melhor preço pra alugar um carro e começar amanhã mesmo sua sonhada road trip pelos Estados Unidos?! Alugando um carro através da Rentcars.com você não paga iof, e pode parcelar em até 12x sem juros!


Usando os links de afiliado do Tô Pensando em Viajar você ajuda a manter o blog funcionando, e não paga nada mais por isso!


Você já viu o vídeo dessa nossa aventura?!


Leia mais sobre a viagem pelo oeste americano:


Você pode seguir o TÔ PENSANDO EM VIAJAR nas redes sociais

FACEBOOK, INSTAGRAM, e TWITTER

Compartilhe!
Alessandra

ALESSANDRA é viajante, fotógrafa, e bióloga. Largou tudo e ganhou tudo ao mudar de rumo em 2012 depois de defender um doutorado em biologia molecular na USP. Desde então vive, viaja e trabalha com foto e vídeo, sua verdadeira vocação. Ama viajar fora do esquema turistão, e gosta mesmo é de paisagem humana!

Leia também...

18 Comentários

  1. Natalie disse:

    Oi, Alê. Tudo bem? :)

    Seu post foi selecionado para o #linkódromo, do Viaje na Viagem.
    Dá uma olhada em http://www.viajenaviagem.com

    Até mais,
    Bóia – Natalie

  2. Oi, Ale! Esse roteiro todo foi em 2 dias, né? Parece muito legal! Onde vc passou a noite?

    • Alessandra Alessandra disse:

      Oi Nanda, tudo bem?! Esse roteirinho foi feito em um dia só! Um dia cheio! Saímos cedinho de Las Vegas (depois de abastecer no Wallmart), e seguimos até Williams, onde passamos a noite. Chegamos lá em tempo de tomar uma cervejinha e jantar!!! No dia seguinte viajamos pra Sedona, e no outro fizemos o Grand Canyon. Obrigada pela visita!

  3. Andre disse:

    Top ,muito bom melhor artigo !

  4. Patricia disse:

    Uma das minhas metas de vida é fazer uma road trip nesse lado dos EUA. Quero muito conhecer o Grand Canyon e fazer as trilhas.
    Agora já sei que preciso incluir essas cidadezinhas no roteiro! Ótimo artigo, lindas fotos (as always) e adorei o vídeo tbm. Arrasaram!!

  5. Luan Perez disse:

    Que lugar incrível, as fotos ficaram excelentes, deve ter sido uma experiência maravilhosa, um dia quero conhecer! Parabéns pelo artigo!

  6. Adorei o post! Amei as fotos! E fiquei inspirada pelo vídeo, que imagens lindas! Parabéns! :-)

  7. paloma disse:

    Estou intrigada, adoro filmes de terror, já estou loca para visitar essa cidade fantasma kkk

  8. Fábio Mendes disse:

    Que viagem de sonho!!! Essa é road trip por excelência!!!

    Adorei as fotos os relatos, as dicas. Quero muito fazer essa viagem! Parabéns pelo post!

  9. Que vídeo lindo que vocês produziram lá! Tivemos a emoção de passar 7 dias nesta road trip pela Rota 66 e foi fantástico!

  10. Cris disse:

    Ah, me fez voltar a viagem de moto Harley-davidson q fizemos por esse trecho da Rota 66 em 2013! Conhecemos o Grand Canyon a partir da cidade de Tusayan, onde tem o grand imax com incríveis imagens desse lugar inesquecível!!!

  11. Que máximo, vários lugares cinematográficos… A gente até curtiu Calico, não fiquei p… não rs. E simplesmente adoramos Williams, uma graça mesmo. Mas agora deu vontade de fazer todo esse roteiro aí, uma delícia.

  12. Klécia disse:

    Que legal! Salvei seu post aqui! Quero muito fazer uma road trip pela Rota 66, e você me ajudou muito com essas dicas de lugares legais! E pensar que tudo isso coube em um dia! Quero pra já pra mim :) Ótimas fotos, por sinal! Deu muita vontade!!

  13. Caramba! Esta cidade fantasma é muito massa! Adorei seu post, seu roteiro está demais!

  14. Marcelo disse:

    Nossa que viagem legal. Excelente matéria também!
    Estou numa sinuca de bico aqui, estou indo viajar com 10 amigos pra Vegas e queremos ir de moto pela 66 até a parte Sul do Canyon, temos apenas dois dias para ir. O que você aconselha? Daria tempo de ir no primeiro dia conhecendo esses pontos da estrada, conhecer os principais pontos do canyon em 3 horas e voltar pra Vegas? O parque é aberto 24 horas? Como funciona? Grato pela ajuda!

    • Alessandra Alessandra disse:

      Oi Marcelo, tudo bem?! Super obrigada pela visita. Olha, eu acho que vai ser bem corrido e provavelmente vocês não vão conseguir conhecer todos os mirantes. O parque é aberto 24 horas, mas depois que o Sol se põe não dá pra ver nada, né?! Então, nem adianta. O problema maior é a distância a partir e para Las Vegas. A viagem é bem longa. O ideal seria 3 dias pra ir, ver tudo com calma e voltar com segurança. Espero ter ajudado. Abraços.