O surpreendente Petrified Forest National Park, no Arizona

Durante a viagem pelo oeste americano, visitar os parques nacionais americanos se tornou quase uma obsessão nossa. Sendo assim, resolvemos quase que imediatamente fazer um desvio da rota Flagstaff – Chinle pelo Petrified Forest National Park, um parque nacional surpreendente e muito fotogênico no Arizona.

O surpreendente Petrified Forest National Park, no Arizona

Petrified Forest National Park

Petrified Forest National Park

O parque é incrível! São mais de 800 sítios arqueológicos espalhados por ele, contando uma história de mais de 10.000 anos de ocupação humana na região. Não é demais?! Vale a pena passar o dia explorando as diversas atrações e trilhas.

O que Fazer no Petrified Forest National Park

Mesmo se você só tiver algumas horas pra explorar o Petrified Forest National Park, vale a pena percorrer os 45km da estrada principal (demora cerca de 1 hora). Olha só quanta coisa legal deu pra ver em mais ou menos 4 horas que passamos lá:

1. Rainbow Forest Musem & Giant Logs Trail

Como o nome já diz, uma das atrações do parque são os troncos petrificados, que estão em todo lugar, formando uma imensa floresta petrificada.

Petrified Forest National Park

Petrified Forest National Park

Pelo que eu entendi, muito toscamente falando, há milhões e milhões de anos, essas árvores morreram, e esses troncos foram rapidamente enterrados sob uma quantidade imensa de sedimento em um ambiente sem oxigênio, impedindo sua decomposição. Com o passar do tempo, essa madeira porosa foi absorvendo minerais, incluindo sílica de cinzas vulcânicas, que precipitaram dentro dos troncos, substituindo sua matéria orgânica, ou seja: petrificando a madeira. Louco, né?!

Petrified Forest National Park

As cores brilhantes na madeira petrificada vêm principalmente de três minerais: quartzo (cor branca), óxido de manganês (azul, roxo, preto, e marrom), e óxido de ferro (tons amarelos e avermelhados).

2. Blue Mesa

O visual incrível da Blue Mesa já valeu a visita. Fiquei totalmente impressionada.

Petrified Forest National Park

Até hoje quando olho pras fotos me arrepio lembrando da sensação de estar ali em meio àquela paisagem surreal. Vale muito à pena passar por aqui.

Petrified Forest National Park

3. Newspaper Rock

Pode me chamar de ‘a louca dos petróglifos‘. Durante toda a viagem fiquei simplesmente obcecada por toda e qualquer mensagem gravada em tempo e pedra, e esse sítio arqueológico foi o meu primeiro achado da viagem.

Petrified Forest National Park

Ele possui cerca de 650 petróglifos. Essa quantidade abundante de ‘recados’, é um indício de que esse era um lugar importante pros antigos que viveram nessa região.

4. Puerco Pueblo

Por volta de 1300, Puerco Pueblo pode ter sido casa para mais de 200 pessoas. Hoje em dia podemos fechar os olhos e imaginar como era a vida aqui, perto do rio que cortava o parque.

Petrified Forest National Park

Achei o material expositivo do parque muito legal, principalmente nessa parte de História humana. Olha só que legal essa ‘aula’ sobre os petróglifos dessa parte do Petrified Forest National Park.

Petrified Forest National Park

Petrified Forest National Park

5. Route 66 Alignment

O Petrified Forest National Park é o único parque americano que contém um pedaço da Histórica Rota 66, a ‘Main Street of America‘.

Petrified Forest National Park

Me diz, como não amar?!

Petrified Forest National Park

6. Painted Desert Overlooks

Logo que a gente olha, o nome se torna óbvio. Sem dúvida nenhuma, um dos visuais mais incríveis de toda a viagem.

Petrified Forest National Park

Como Chegar

O Petrified Forest National Park fica no nordeste do Arizona, na Interstate 40, estrada que substituiu a Rota 66. No nosso caso, estávamos indo de Flagstaff para Chinle. Flagstaff é uma ótima base para visitar lugares incríveis no Arizona como o Grand Canyon (South Rim), Sedona, Petrified Forest, e Canyon de Chelly.

Resolvemos entrar pela parte sul do parque (Rainbow Forest Museum), passando por Holbrook,e percorr a Petrified Forest Rd, estrada que corta o parque rumo norte, pra sair mais adiante na I40, praticamente ‘caminho’ pra Chinle.

 

Se você digitar ‘Petrified Forest National Park‘ no seu GPS, provavelmente vai ser levado até o centro de visitantes do Painted Desert, a entrada norte, na I40.

Petrified Forest National Park

Horários de funcionamento

O parque funciona o ano todo, exceto dia 25 de dezembro, e os horários de funcionamento são:

24.7 – 20.8: 7h-19h30
21.8 – 17.9: 7h-19h
18.9 – 29.10: 7h-18h
30.10 – 31.12: 8h-17h

Petrified Forest National Park

Quanto Custa

Passe válido para 7 dias/carro: $20.00
Passe bicicleta/pessoa: $10.00
Moto: $10.00

Vale a pena conhecer o Petrified Forest National Park?

Eu já tinha lido sobre o Petrified Forest National Park no Ideias na Mala, mas achei muito mais incrível pessoalmente.


Você conhece o America The Beautiful Pass?! Com ele você tem acesso a todos os parque nacionais americanos.


Petrified Forest National Park

Viajar de Carro Pelos Estados Unidos

Quer encontrar o melhor preço pra alugar um carro e começar amanhã mesmo sua sonhada road trip pelos Estados Unidos?! Alugando um carro através da Rentcars.com você não paga iof, e pode parcelar em até 12x sem juros!

Viaje sem stress!! Não se esqueça do seguro viagem

Pra viajar tranquilo é sempre recomendável fazer um seguro viagem. A gente nunca sabe quando vai ter uma emergência. Usando a Real Seguros você pode comparar coberturas e valores de seguro viagem. Além de encontrar o melhor preço e a cobertura ideal para sua viagem, você não paga iof, tem atendimento em português e ainda pode dividir em até 6 vezes sem juros! Bom demais, né não?

Seguro viagem geral 728x90

Usando os links de afiliado do Tô Pensando em Viajar você ajuda a manter o blog funcionando, e não paga nada mais por isso!


Você já viu o vídeo dessa nossa aventura?!


Leia mais sobre a viagem pelo oeste americano:

Salvar

Compartilhe!
Alessandra

ALESSANDRA é viajante, fotógrafa, e bióloga. Largou tudo e ganhou tudo ao mudar de rumo em 2012 depois de defender um doutorado em biologia molecular na USP. Desde então vive, viaja e trabalha com foto e vídeo, sua verdadeira vocação. Ama viajar fora do esquema turistão, e gosta mesmo é de paisagem humana!

Leia também...

17 Comentários

  1. Um cenário mais perfeito que o outro, né? Algumas das imagens me remeteram a um quadro inclusive. Deve ter sido uma viagem e tanta essa!

  2. Josiane Bravo disse:

    Que lugar maravilhoso, e essas fotos que parecem sair de um quadro de pintura. SURREAL. Eu sou apaixonada pelos parques nacionais dos Estados Unidos e gostaria muito de um dia ter a oportunidade de visitar todos eles. No Arizona, eu só tive a oportunidade de conhecer o Grand Canyon, o qual fiquei encantada.

    Abraços

    • Alessandra Alessandra disse:

      O Arizona é muito rico em paisagens, história e cultura, não é, Josiane?! Também visitei o Grand Canyon e fique encantada!! :)! Beijos e obrigada pela visita.

  3. Fiquei apaixonada por esse lugar. Fotos incríveis. Me deu muita vontade de conhecer. Vou colocar na lista. Parabéns pelo post.

  4. Renata disse:

    Que lugares lindos! Fotos maravilhosas! Ainda quero fazer essa viagem um dia!

  5. Karine disse:

    Fiquei imaginando como será ver tudo isso de perto. Só as fotos já são lindas de viver, imagine ao vivo!! Fiquei com vontade de conhecer! :)

  6. Martinha disse:

    Oi Alessandra. Deve ter sido uma viagem incrível. As fotos estão incríveis. Mais um destino para acrescentar na lista imensa de lugares que quero visitar =)

  7. Itamar Japa disse:

    Quanto lugar bonito, ta aí uma parte dos EUA que eu gostaria de conhecer. Cada visual de tirar o fôlego! Muito legal mesmo! Belo post!

  8. Contramapa disse:

    Uau, que postagem muito boa! Não conhecia o local, apesar de ter estado bem perto quando fiz a minha viagem aos US no ano passado. Realmente, esse país tem sítios inóspitos e incríveis. Belo post!

  9. Olá Alessandra :)
    Artigo super completo. Estes parques devem ser realmente formidáveis. Tenho mesmo de ir conhecer…

  10. Giulia disse:

    Uau que lugar incrível! E esses troncos petrificados, nunca vi nada assim antes. Realmente muito louco. Adorei o post bem explicado!